Ir para o conteúdo

sexta-feira, 19 de agosto de 2022

Artigos

Você conhece a Síndrome de Pensamento Acelerado?

Podemos descrever a Síndrome do Pensamento Acelerado como o excesso de informações diárias gerando uma “sobrecarga” em nosso cérebro, produzindo uma mente hiperpensante, agitada, com baixo nível de tolerância, impaciência e pouca criatividade.

Atualmente, estamos expostos a uma quantidade imensa de informação. Ficamos “conectados” em tudo o que acontece ao nosso redor. Esta quantidade excessiva de informação disponível está bombardeando o cérebro, tornando comum, o surgimento de um grande número de pessoas com dificuldades de gerir emoções.
É um transtorno que afeta grande parte da sociedade moderna, inclusive crianças, devido a cobranças, expectativas, pressão e tensão.
Assim sendo, a energia que deveria ser destinada aos músculos e outros órgãos do corpo, é consumida pelo cérebro, fazendo com que a pessoa se sinta esgotada física e mentalmente.
Pode causar grandes prejuízos, dificultando o desenvolvimento de capacidades essenciais, tais como criatividade, inovação, reflexão, persistência.
Esta síndrome não está relacionada com a qualidade ou o conteúdo dos pensamentos, mas sim com a quantidade excessiva deles. O excesso de pensamentos dificulta a concentração, aumenta a ansiedade, gera desânimo, intolerância e irritabilidade, além de não ser possível manter o foco. Atrapalha o gerenciamento da rotina, a sensação de ter muitas coisas a fazer e não conseguir concluir.
É muito importante exercitar a mente para manter sua qualidade de vida.
Não deixe de procurar ajuda profissional, caso perceba que não está bem.

 

Luciana Maria Depieri Branco
Neurocientista
SBNeC n° 16253
www.reabilitacaomultimidia.com.br

 

Contato Ginástica para o Cérebro: Hospital São Jorge (17) 3321-5050

Compartilhe: