Ir para o conteúdo

sábado, 13 de agosto de 2022

Artigos

Vitórias verdes e amarelas

Tenho a sensação de que os dias estão passando muito depressa. O ano mal começou e já iniciamos o segundo semestre. Dos 253 dias úteis do ano, teremos 123 de julho a dezembro, em função dos feriados. Será um semestre atípico, com dois grandes acontecimentos: as eleições de 2 de outubro e a Copa do Mundo, no Qatar, de 21 de novembro a 18 de dezembro. Há um importante fator entre as eleições e a Copa: o brasileiro precisa sair campeão.
Para ser campeão no Qatar, a torcida e a fé ajudam. Mas isso não depende de nós. Depende de uma série de variantes: da habilidade do técnico e da comissão técnica, do esforço em conjunto dos jogadores e, principalmente, da competência dos times adversários. E, claro, da sorte!

Brasil de chuteiras

A cada quatro anos o Brasil se prepara para acompanhar cada jogo. É também uma oportunidade para a confraternização entre amigos e familiares. Muitos preparam o local para assistir os jogos, da mesma forma como organizam uma festa de aniversário. Vestem a camisa da seleção com o número do jogador preferido, usam e abusam da decoração verde e amarela, preparam os comes e bebes e afins. O famoso jornalista e escritor Nelson Rodrigues, costumava dizer que um jogo de seleção é como a pátria de chuteiras. É mesmo. O otimismo passa a dominar o País e todos torcem, cada um do seu jeito, acreditando na vitória. Este ano, uma vitória significa o hexacampeonato, o que deve gerar uma grandiosa e bonita festa, um grande carnaval fora de época.
Mobilização nacional
E exatamente a cada quatro anos, o brasileiro também se prepara para eleger o Presidente da República, governadores, senadores e deputados federais e estaduais. E o resultado do pleito, este sim, depende de você. Tal como a Copa do mundo de futebol, as eleições também mobilizam a Nação. Ambos os eventos precisam de preparo. E o que significa estar preparado para votar? Na minha opinião é preciso estar atento às campanhas de cada candidato, conhecer as suas propostas, verificar o que cada um trouxe de benefícios para a sua comunidade, se está falando a verdade, ou simplesmente fazendo promessas, sem compromissos com a população e, se não é um aventureiro.

Fato ou fake?

Este ano, ainda há uma ameaça que se agiganta: as fake news. A cada informação que você recebe pelos grupos de WhatsApp ou pelas redes sociais é preciso conferir, antes de compartilhar. Saber o que é fato ou fake. É recomendável não deixar para fazer isso na última hora. No caso dos deputados federais, há um amplo conteúdo no portal da câmara, além das transmissões ao vivo que podem ser acessadas por meio deste mesmo portal.

Duas consciências

Essa consciência é necessária para você exercer o seu voto de forma consciente. Diferente da Copa, uma eleição define os rumos e o futuro do País. Assim como a Copa, uma eleição mexe com os brios de uma nação e, também, pode se transformar numa festa cívica. Para sermos campeões e fazermos gols de placa em outubro e em novembro (como esperamos ver no Qatar!) o Brasil tem de estar pronto para esses dois significativos momentos da Nação e vibrar com as esperadas vitórias verdes e amarelas.

 

Luiz Carlos Motta
é Deputado Federal
(PL/SP).

Compartilhe: