Ir para o conteúdo

quinta-feira, 30 de maio de 2024

Artigos

Seminaristas fazem convivência na Paróquia São José de Severínia

De 05 a 09 de dezembro, os seminaristas diocesanos participaram de uma convivência na Paróquia São José da cidade de Severínia. Eles foram acolhidos na quinta-feira (05), durante missa, e ficaram hospedados nas residências de sete famílias.
Na sexta-feira, fizeram visitas, acompanhados por Ministros Extraordinários da Comunhão Eucarística, a cerca de 150 enfermos levando a comunhão e a reflexão da Palavra de Deus. Durante a noite, na comunidade São Francisco de Assis, participaram da Eucaristia com administração do Sacramento do Crisma, presidida por Dom Milton Kenan Júnior, a aproximadamente 50 crismandos.
No sábado pela manhã, os seminaristas participaram da Missa da Saúde, celebração na qual alguns doentes receberam a unção dos enfermos. Na parte da tarde realizaram uma Celebração de Recordação do Batismo com todos os catequistas da paróquia, e à noite participaram de missa.
No domingo, além de participaram de missas nas comunidades, realizaram uma Celebração Mariana com a Pastoral Familiar que contou com a presença de agentes de todas as pastorais e movimentos de inspiração mariana.
O padre Ronaldo Miguel, vice-reitor do Seminário Maior Sagrado Coração de Jesus em São José do Rio Preto, que acompanha a formação dos seminaristas, presidiu a missa de domingo das 20h, que foi concelebrada pelos padres Mário Russo, Carlos Barbosa e Diego Mendes. Segundo o padre Ronaldo “a convivência dos seminaristas nas paróquias que não acolhem seminaristas é justamente a oportunidade de despertar vocações através do convívio”. “É possibilitar um maior contato com o povo de Deus e conhecer as diversas realidades pastorais que existem em nossa diocese”, afirmou.
“Para os jovens que se sentirem chamado à vocação sacerdotal, eu digo ‘não tenham medo’, pois vale a pena ser padre, é muito feliz a vida sacerdotal”, atestou o presbítero.

Compartilhe: