Ir para o conteúdo

sexta-feira, 15 de outubro de 2021

Artigos

Projeto de Roteiro Turístico Religioso de Barretos contempla capelas rurais e a Minibasílica

Dom Milton Kenan Júnior, bispo diocesano, recebeu na última sexta-feira, dia 29 de janeiro, na Cúria Diocesana, Cuiabano Lima, secretário municipal de Turismo de Barretos.
Neste encontro foi apresentada ao prelado uma proposta para elencar as igrejas e capelas que reúnem um grande número de fiéis em algumas ocasiões do ano que possam ser incluídas no projeto turístico da cidade de Barretos.
“Nesta conversa, nós solicitamos dele (o secretário) o apoio para a realização dos eventos que ocorrem nas paróquias e também nas capelas que reúnem maior número de fiéis e, ao mesmo tempo, ajuda na divulgação. Ficamos de marcar um novo encontro agora com a presença do clero daqui da cidade de Barretos que apresentará ao secretário de Turismo a agenda de atividades das paróquias, os locais que poderão se destacar como locais de peregrinação para que possa completar sua agenda e colaborar com a Igreja de alguma forma”, explicou Dom Milton que enalteceu o trabalho em comum que será realizado e destacará a religiosidade e a fé do povo católico da cidade.
Um dos temas discutidos foi a criação do Caminho da Fé que terá como ponto de partida a igreja matriz da Paróquia Nossa Senhora Aparecida (Minibasílica) levando os devotos até o Santuário Nacional, em Aparecida.
A Estância Turística de Olímpia já conta com um ramal do Caminho da Fé com início na Paróquia Nossa Senhora Aparecida, que pertence à Diocese de Barretos. O chamado Ramal das Águas passa por cidades como Severínia, Cajobi, Bebedouro e Jaboticabal até se encontrar com à rota principal de Águas da Prata (SP), que segue até Aparecida.
Participaram da reunião o padre Deonísio Helko, pároco da Paróquia Santo Antônio de Pádua e coordenador da Região Pastoral Barretos, o diácono José Paulo Lombardi, integrante da Comissão Diocesana da Pastoral da Comunicação, e Viviane Elois, turismóloga e assistente técnica da Secretaria de Turismo.
De acordo com Cuiabano Lima esses roteiros religiosos contemplariam também as cidades vizinhas como Colina, Bebedouro, Pitangueiras e Pontal. “Uma regionalização do Turismo atendendo uma solicitação da Secretaria de Turismo do Estado de São Paulo”, salientou.

Compartilhe: