Ir para o conteúdo

domingo, 03 de novembro de 2013

Artigos

POR QUE ?

Bom Dia Barretos.
Meus irmãos barretenses, fico imaginando o “por que” da Prefeitura de Barretos, interventora na Santa Casa, não buscar dialogar com Henrique Prata, e numa grande negociação, envolvendo os sócios da Santa Casa e o Ministério Público, repassar o hospital para a Faculdade de Medicina Dr. Paulo Prata, que o transformaria em Hospital Universitário. Você já imaginou os benefícios que tal atitude traria à população de Barretos, bem como para a cidade como um todo? O que estaria faltando? Dialogo? Proposta? Vontade política? Desprendimento? Ação? Não sei se é verídico, mas recebi informação fidedigna, de que a Faculdade de Medicina Dr. Paulo Prata, que é de Barretos, estaria interessada em transformar um hospital de Bebedouro em seu Hospital Universitário, enquanto temos aqui um gigante hospitalar, semi adormecido e semi falido, a espera de uma oportunidade para se reerguer.
Tenho plena certeza, que o Henrique Prata, com seus contatos e sua experiência, conseguiria recuperar o prédio, dota-lo de todos os equipamentos necessários, e ainda levaria para estágio os universitários, que com orientação, e ao lado dos professores da faculdade e médicos do hospital, dariam um grande impulso, qualitativo e quantitativo na assistência médica de nossa população.
O que impede? Não falei com o Henrique, nem tenho autorização para, por ele falar, mas como barretense e principalmente como médico, atendendo e vendo a necessidade de nossa população, fico atordoado ao ver o “cavalo passar arriado”, como diria nossos peões, diante da solução do “imbróglio Santa Casa”, e numa cegueira comunitária ou ofuscados pela neblina do descaso, deixarem escapar a grande oportunidade. 
Os “Hospitais das Clinicas”, das Faculdades de Medicina de São Paulo, Campinas, Marília, Prudente e por todo o Brasil afora, se constituem nos centros médicos de excelência a atender a população. Por que não em Barretos? O que é que está a atravancar a realização desse sonho atrelado à solução do problema “Santa Casa”? 
Creio que está na hora da Prefeitura Municipal, Ministério Público, sócios da Santa Casa, Clubes de Serviço, os Independentes e até movimentos sociais, enfim, a sociedade como um todo, ao lado do Henrique Prata, num movimento em favor da saúde e do bem estar do nosso povo, transformar a Santa Casa de Barretos, num magnífico Hospital das Clínicas, Hospital que seria Regional, e tenho certeza, do mesmo nível do Hospital da Fundação Pio XII. 
Para não ser omisso, busco levantar o véu da cegueira, dissipar a neblina das vaidades e convidar toda a sociedade barretense para se mobilizar em busca de tal objetivo. Tenho absoluta certeza, que se chamado, convidado ou convocado para uma mesa de negociação, Henrique Prata não falhará com a cidade que sempre o admirou e aplaudiu. 
No sábado, dia de todos os Santos, essa ideia não parou de martelar minha cabeça. Ontem, dia de finados, tenho certeza que tantos barretenses, que amaram essa cidade e se encontram no plano espiritual ao lado do Dr. Paulo Prata, estarão a abençoar tal empreitada. Chega de imobilismo ou de se buscar causas pelas quais a Santa Casa chegou a tal ponto. 
É hora de agir, de se despir das vaidades, de deixar de lado os egos inflados, de colocar os pés no chão, e buscar o melhor para o povo barretense. Enfim, é hora de se descortinar uma nova janela no desenvolvimento de nossa cidade e de garantir atendimento médico de qualidade ao nosso povo. Que São Lucas, padroeiro dos médicos, o Espírito Santo, padroeiro de nossa cidade, e os anjos de DEUS possam dizer amém, iluminando a todos para que se possa chegar a um final feliz.
BOM DIA BARRETOS.

Compartilhe: