Ir para o conteúdo

sexta-feira, 27 de dezembro de 2013

Artigos

Paz não é ausência de problemas

“Vivei sempre contentes”, esta mensagem, não é  apenas um conselho que o Apóstolo Paulo deu aos tessalonicenses, antes ou depois de sua chegada na comunidade formada por este povo, como ele fez também em outras; mas uma ordem…  
Assim como o apóstolo disse àqueles povos, ele nos diz hoje: “Vivei sempre contentes”.
Mas nós poderíamos dizer hoje: Como vamos viver dessa maneira com tanta violência acontecendo ao lado de nossas casas, em nossos próprios lares (desrespeito entre os familiares, falta de paciência com aqueles com quem convivemos, completa ausência de aceitação dos erros dos que dizemos amar ) quanto egoísmo dominando o preceder dos políticos e administradores de nosso país ! Quanta morte, violência e decepções pelo mundo afora!
Entretanto a paz não é a ausência de problemas… e a nossa alegria interior, devemos deixar transparecer em nosso modo de viver porque temos a certeza da presença de Jesus Cristo ao nosso lado.
É possível ter paz mesmo em  meio a turbulência da vida. O Senhor sabe que temos e teremos muito mais aflições e problemas, mas a ordem que nos dá, por intermédio do Apóstolo Paulo é de que vivamos sempre alegres.
Especialmente, se você é o tipo da pessoa “triste para chamar a atenção”, você não está cumprindo a vontade de Deus na sua vida, porque a ordem que o Senhor nos dá a todos é para que vivamos sempre alegres.
Se acha que não é capaz de fazê-lo, peça a Deus que o transforme, ore a todo instante, ore nas apreensões, nas angústias,  no trabalho, no lazer, ore em casa ou fora de casa, ore sempre, e o Senhor lhe dará a paz, o tornará uma pessoa contente. 

Compartilhe: