sábado, 16 de janeiro de 2021

Artigos

Paciência

Definida como: “virtude que faz suportar algo sem perder a calma; que aguenta com tranquilidade uma eventualidade, tristeza, ação maldosa; resignação.”
Muitos de nós jamais a encontrarão, pois é virtude de poucos. É preciso sabedoria para entender, que ser paciente não significa ficar inerte às situações simplesmente esperando que o universo as resolva, e sim saber a hora certa de agir, pois a impaciência em resolver tudo o mais rápido possível e a nosso modo, nos conduz muitas vezes ao erro.
Assim como os felinos calculam cuidadosamente a hora precisa de atacar, ficando apenas observando e analisando suas presas de longe, precisamos analisar melhor e pensar bem antes tomarmos decisões. Às vezes “um minuto de bobeira”, nos custa a vida.
Quantos já não morreram, por não terem a “paciência “ de esperar o momento certo para fazer uma ultrapassagem, por avançarem o sinal vermelho ou realizarem algum “atalho” proibido…
A vontade de fazer tudo mais rápido, não se encontra somente no trânsito, e não morremos só de “ morte morrida”, a impaciência pode às vezes não matar o corpo, mas a alma. Quantas atitudes já não tomamos no impulso, que nos tiraram o sono, e foram matando nossa paz aos poucos…
Não é à toa que os que são consultados e se tratam com médicos se denominam “pacientes”, pois mesmo não sendo possuidor da virtude à qual a palavra foi derivada, terão que adquiri-la no momento de doença, onde muitas vezes, o que nos resta é esperar… Esperar pra ser atendido, esperar pelo dia da consulta, esperar que o tratamento funcione, esperar a descoberta de novos remédios, esperar que tudo dê certo e não morra…
Busquemos ter paciência, antes de nos tornarmos pacientes de um hospital, pois às vezes não nos sobrará mais tempo suficiente para aprender como alcança-la, e usufruir dos benefícios por ela proporcionados.
Erika Borges
Cronista e Escritora do livro Crônicas e Reflexões da Vida eDo grupo do facebook e canal do YouTube Crônicas e Reflexões da Vida, Erika Borges

Compartilhe: