Ir para o conteúdo

segunda-feira, 26 de fevereiro de 2024

Artigos

O importante resgate da região administrativa de Barretos

Barretos é o sétimo maior município do nosso estado, possui uma economia diversificada, com destaque para o agronegócio, turismo e prestação de serviços. Ele é o principal município da região administrativa composta por Altair, Bebedouro, Cajobi, Colina, Colômbia, Embaúba, Guaíra, Guaraci, Jaborandi, Monte Azul Paulista, Pirangi, Taiúva, Taiaçu, Terra Roxa, Viradouro e Vista Alegre do Alto.
A região administrativa de Barretos atualmente enfrenta desafios econômicos e sociais específicos, como baixa renda per capita, falta de investimentos em infraestrutura, entre outros. Esta é uma região com grande potencial econômico e cultural, e que vem passando por um processo de transformação e modernização nos últimos anos.
Importante ressaltar que a melhoria das condições econômicas e sociais da região depende de diversos fatores, como ações governamentais, investimentos privados, desenvolvimento de projetos sustentáveis e de políticas públicas efetivas para a promoção da qualidade de vida da população.
Tais ações precisam partir de uma liderança que dialogue com todas as bandeiras e que tenha abertura com governos estadual e federal. Podemos tomar como exemplo, a liderança que Uebe Rezeck teve durante seu mandato como prefeito de Barretos, entre os anos de 1977 e 1982, quando então, ele trabalhou em diversas iniciativas que contribuíram para o desenvolvimento da cidade e da região.
Iniciativas como a criação do primeiro SAMU (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência) da região, a implantação de um sistema de atendimento odontológico gratuito para a população e a melhoria na infraestrutura urbana, com investimentos em pavimentação de ruas e avenidas, construção de pontes e viadutos, foram algumas das realizações do Dr. Rezeck.
O ex-prefeito foi muito importante também no incentivo à instalação de novas empresas e indústrias, visando à geração de empregos e ao crescimento econômico local, beneficiando toda a região. Todas essas ações contribuíram para o desenvolvimento de Barretos e de sua região administrativa, proporcionando melhores condições de vida e trabalho para todos.
Se faz necessário que uma liderança visionária possa devolver à região administrativa de Barretos o papel de protagonista e que possa representar a 13ª região. Uma liderança eficaz pode manter a estabilidade da região e ser uma força transformadora e impactante para a melhoria da qualidade de vida de toda a população local.
“Liderança é a arte de mobilizar os outros a querer lutar por aspirações compartilhadas.”
– James MacGregor Burns, cientista político americano, autor de diversos livros, inclusive as biografias de Franklin D. Roosevelt e John F. Kennedy
O caminho para o resgate do protagonismo da região pode ser definido pelo fomento ao turismo, bem como, pela construção do polo da saúde através da criação de mais hospitais e clínicas. Outra ação muito importante é o incentivo à indústria de insumos médicos e farmacêuticos através de benefícios fiscais. Por fim, é necessário destacar a utilização do aeroporto, das ferrovias e rodovias para implementar a logística das mercadorias que passam pela região.
Desta forma, tal liderança poderá deixar um legado significativo e duradouro para as gerações futuras. É fundamental que ela tenha uma perspectiva estratégica e inovadora, buscando soluções criativas e sustentáveis para os desafios. Com essa abordagem, a região administrativa de Barretos pode se tornar um modelo de sucesso para outras regiões do país.

 

 

 

 

Raphael Dutra
Advogado, empresário e ex-vereador
de Barretos (SP) (2017/2020).
Cursando Mestrado Profissional de
Gestão e Políticas Públicas pela FGV
Cursando MBA de Gestão de Cidades pela USP
raphael@raphaeldutra.com.br

Compartilhe: