Ir para o conteúdo

terça-feira, 09 de agosto de 2022

Artigos

Nova moeda do Vaticano incentiva vacinação contra covid-19

A arquidiocese do Rio de Janeiro fará um Congresso Eucarístico de 03 a 07 de setembro, recordando o centenário do congresso de 1922. O evento acontecerá no marco dos 200 anos da independência do Brasil e, por esta ocasião, será celebrada missa solene no Cristo Redentor, com a consagração do país ao Coração Eucarístico de Jesus.
O anúncio foi feito pelo arcebispo, cardeal Orani Tempesta que, ao final da celebração de Corpus Christi, no dia 16, quando assinou a “Carta Pastoral Comemorativa Centenário do Congresso Eucarístico de 1922”.
“Como bem sabemos, nosso país tem na Eucaristia, celebrada naquele Domingo de Páscoa de 26 de abril de 1500, o seu primeiro ato de culto católico inscrito no registro de seu nascimento. As efusivas comemorações pelo Dia de Corpus Christi em todo o Brasil (que é também um dia de ponto facultativo ou feriado municipal), os Congressos Eucarísticos nacionais e o internacional realizado no Rio de Janeiro (capital federal) em 1955, os hinos eucarísticos e as diversas manifestações devocionais expressam o amor ao Corpo e Sangue do Senhor e acentuam a fé eucarística do povo brasileiro”, afirmou o arcebispo.
O arcebispo destaca na carta que, “neste ano de 2022, no qual comemoramos o bicentenário da proclamação da Independência do Brasil, teremos a oportunidade de celebrar os 100 anos desse Congresso Eucarístico comemorativo do centenário da independência e que também nos prepara para o 18º Congresso Eucarístico Nacional, que será realizado de 11 a 15 de novembro, em Recife” (PE).
O tema do congresso será “Eucaristia, alimento da unidade, de esperança e de fraternidade”. E a motivação bíblica será a mesma do congresso de 1922: “E Jesus percorria toda a Galileia… curando todas as enfermidades e doenças entre o povo” (Mt 4,23).
Fonte: ACI Digital

Compartilhe: