Ir para o conteúdo

segunda-feira, 04 de março de 2024

Artigos

Nasce o observatório das aparições ligadas à Virgem Maria

Foi criado na Pontifícia Academia Mariana Internationalis (PAMI), um observatório para as aparições e fenômenos místicos ligados à figura da Virgem Maria, com o objetivo de analisar e interpretar os diversos casos. Aparições, lacrimações, mas também locuções interiores, estigmas e outros fenômenos místicos ligados à Nossa Senhora acontecem em todo o mundo e são estudados. Por este motivo, foi instituído um observatório para analisar seja os que estão em andamento como os que já ocorreram, mas ainda aguardam um pronunciamento da Igreja a respeito de sua autenticidade.
O objetivo traçado para o observatório “é dar apoio concreto ao estudo, autenticação e divulgação correta de tais eventos, sempre em harmonia com o magistério eclesiástico, as autoridades competentes e as normas em vigor pela Santa Sé sobre o assunto”, explica Pe. Stefano Cecchin (Ofm), presidente da PAMI (Pontifícia Academia Mariana Internacional).
O Observatório operará de forma sistemática, estratégica, multidisciplinar e qualificada, também em colaboração com especialistas e pesquisadores, personalidades de alto nível no campo científico e autoridades eclesiásticas. É importante esclarecer, porque muitas vezes mensagens geram confusão, espalham cenários apocalípticos ansiosos ou mesmo acusações contra o Papa e a Igreja. Como poderia Maria, Mãe da Igreja, minar sua integridade ou semear medo e oposição, Ela que é Mãe da Misericórdia e Rainha da Paz?”. Da mesma forma, continua Cecchin, “é importante dar apoio ao treinamento, pois lidar com certos casos requer uma preparação adequada”.
O objetivo do Observatório, conclui padre Cecchin, é também o de “agir com eficiência e capilaridade, ativar comissões nacionais e internacionais para avaliar e estudar aparições e fenômenos místicos relatados em várias áreas do mundo, para promover atividades de atualização e treinamento sobre esses tipos de eventos e seus múltiplos significados espirituais e culturais, promover atividades de divulgação e consultoria de alto nível, especialmente a serviço das Igrejas locais e dos bispos, mas também atividades de pesquisa transdisciplinar em conjunto com instituições acadêmicas, tanto leigas como eclesiásticas, e a publicação dos resultados da pesquisa realizada”.

 

(Por: Ir. Grazielle Rigotti, ascj – Vatican News)

Compartilhe: