sexta-feira, 23 de outubro de 2020

Artigos

Lideranças religiosas de Olímpia se unem na defesa da vida e promoção da esperança

Idealizado pela Paróquia São José de Olímpia, com a colaboração do casal Caia Piton e Iscilla Aidar Piton, a iniciativa batizada de #JuntosSomosMais reuniu líderes católicos, espíritas, umbandistas, candomblecistas e evangélicos da cidade, além do bispo diocesano, Dom Milton Kenan Junior, em um vídeo com mensagens de paz, fortalecimento espiritual e esperança, motivando todas as pessoas a somar forças na corresponsabilidade pela superação da pandemia do Covid-19.
Cada expressão religiosa está divulgando a mensagem aos seus adeptos por meio de seus canais de comunicação. O vídeo está disponível no canal da diocese no YouTube: www.youtube.com/diocesebarretos.
“Esta iniciativa manifesta consideração, respeito e solidariedade das diversas expressões religiosas entre si, assim como o grau de consciência e responsabilidade que elas possuem em relação ao seu papel social. A intenção é encontrar caminhos de superação e isso só será possível se, no respeito às diferenças, formos capazes de perceber que aquilo que une é infinitamente maior que aquilo que nos separa. Agradeço as lideranças religiosas que, corajosamente, colaboraram. Certamente, juntos faremos um bem ainda maior, expressou o pároco, padre Ivanaldo Mendonça.”
Segundo divulgação da paróquia, o presente cenário impõe profunda reflexão acerca do sentido da existência humana, sua origem, meio e fim. Sem desconsiderar, tampouco opor-se aos caminhos naturais através dos quais toda e qualquer crise pode e deve ser superada, sobretudo, a preciosa colaboração da ciência, outro tipo de saber, não menos importante, revela-se importante recurso no enfrentamento e superação das crises de todos os tempos: a religião.
A prática religiosa sadia, seja ela qual for, deve estar profundamente ligada a realidade, participar, ativamente, da vida e caminhos da humanidade colaborando, a partir de sua leitura e vertente espiritual, para que diretamente seus adeptos e, indiretamente, todas as pessoas, sejam melhores e de maneira consciente, livre e responsável colaborem na construção de um mundo melhor para todos.

Compartilhe: