quinta-feira, 22 de outubro de 2020

Artigos

Lideranças católicas se destacaram no mundo em 2019

Três líderes católicos se destacaram no mundo ao longo do ano de 2019 por terem sido dedicados e entregues cotidianamente à missão de servir ao próximo por amor a Deus, como destacou o site Aleteia.
O irmão franciscano Peter Tabichi, do Quênia, foi eleito o melhor professor do mundo pelo ‘Global Teacher Prize‘ de 2019. O prêmio é oferecido pela Fundação Varkey, uma entidade que se dedica à melhoria da educação para crianças carentes. A cerimônia de premiação aconteceu em Dubai, nos Emirados Árabes Unidos. Além do troféu, o religioso franciscano, que concorreu com outros dez mil indicados de 179 países, recebeu US$ 1 milhão ( cerca de R$ 3,9 milhões). O dinheiro deverá ser aplicado em atividades educacionais.
O sacerdote é professor de ciências na Escola Secundária Keriko Mixed Day, localizada em uma zona rural do Quênia, e doa 80% de sua renda mensal para ajudar aos alunos mais pobres a comprar uniformes e materiais escolares. Muitos desses estudantes percorrem mais de 6 quilômetros diariamente para chegar até a escola. Além disso, 95% dos alunos são provenientes de famílias pobres, quase um terço são órfãos ou têm apenas um dos pais e muitos não têm comida em casa.
O padre-bombeiro entre os heróis do incêndio na Catedral de Nôtre-Dame, Jean-Marc Fournier, também se destacou. Ele estava de plantão no trágico dia 14 de abril de 2019, quando a Catedral de Nôtre-Dame ardeu em chamas. Foi ele quem conseguiu entrar na catedral e salvar um dos maiores tesouros do cristianismo que lá estava.
“Quando o fogo começou a atingir a torre norte, e tivemos medo de perdê-la, foi no momento exato em que eu peguei o Santíssimo. Assim, eu não quis somente retirar Jesus, eu aproveitei para dar uma Bênção do Santíssimo. Então, eu estava sozinho na Catedral, com este ambiente de chamas, de fogo e de coisas incandescentes que caiam do teto, e com esta bênção eu provoquei Jesus e pedi que nos ajudasse a preserva sua casa. Devemos crer que Ele nos ouviu!”, disse o presbítero em entrevista ao padre Paulo Ricardo em suas redes sociais.
A International Publishing House, editora especializada em textos biográficos, concedeu no dia 16 de abril o prêmio “Melhor cidadão da Índia” ao padre Vineeth George, em reconhecimento pelo seu trabalho pastoral junto à população carente do norte do país majoritariamente hinduísta.

Compartilhe: