Ir para o conteúdo

terça-feira, 27 de fevereiro de 2024

Artigos

Hoje um barretense será ordenado padre diocesano

Para a nossa Diocese de Barretos, em particular, mas para toda a Igreja, hoje dia 8 de fevereiro é uma data das mais significativas para todos, e de modo especial para o jovem Matheus Francisco da Silva, diácono, barretense nato, porque logo mais à noite, na Catedral do Divino Espírito Santo, pelas mãos de Dom Milton Kenan Jr, ele será ordenado Presbítero, passando a ser, então, mais um padre integrante do clero presbiteral diocesano, que o acolherá presencialmente logo em seguida, no mesmo rito.

Matheus nasceu em Barretos, no bairro Marília, aos 17 de outubro de 1994. É filho de Jonas Francisco da Silva e Sandra Cristina da Silva, e irmão de Pâmela. Aos 22 de janeiro de 1995 foi batizado pelo Padre Graziano Marcoloni, na Paróquia de São Benedito, e daí em diante as portas de sua vida cristã nunca mais se fecharam.

Recebeu a primeira Eucaristia em 27 de novembro de 2005, na então Capela Nossa Senhora Aparecida, sua comunidade de origem, hoje Paróquia Nossa Senhora Aparecida de Barretos, e crismado aos 28 de novembro de 2008 na Catedral.

Após seus estudos primários e fundamentais, cursou Jornalismo no Instituto Municipal de Ensino Superior de Bebedouro – SP, onde concomitantemente realizava seu acompanhamento vocacional. Depois de ter discernido e ser aceito pela Igreja, foi enviado ao Seminário Maior Sagrado Coração de Jesus em São José do Rio Preto no dia 22 de janeiro de 2017, cursando a Faculdade de Filosofia no triênio 2017-2019 e, em seguida, os quatro anos de Teologia no quadriênio 2020-2023.

Em todo este período formativo, que inclui todo o acompanhamento vocacional, além dos sete anos acadêmicos, teve sua vocação confirmada pela Igreja, recebendo a Admissão como Candidato às Ordens Sacras no dia 28 de agosto de 2020, memória de Santo Agostinho, no próprio Seminário Diocesano. Nos anos seguintes, recebeu os ministérios oficiais da Igreja: o de Leitor, na memória dos Santos Anjos em 03 de outubro de 2021; e o de Acólito em 26 de agosto de 2022, ambos na Catedral do Divino Espírito Santo, em Barretos.

Ainda no decorrer do seu 4º ano de Teologia, no dia 4 de agosto do ano passado, ele foi ordenado Diácono, que é o primeiro grau do Sacramento da Ordem; mas nos anos anteriores, como é praxe, desenvolveu estágios pastorais tanto na Paróquia N. Sra. Aparecida de Barretos (mini basílica), em 2017, como na Senhor Bom Jesus de Guaraci, em 2018 e 2019. E desde 2020, na Paróquia Catedral.

Como neossacerdote celebrará sua primeira missa na Catedral sábado, dia 10 às 16h30, de onde se despede pois já foi designado para ser vigário paroquial na Paróquia São João Batista, de Olímpia.

Compartilhe: