Ir para o conteúdo

terça-feira, 16 de abril de 2024

Artigos

Hackathon promovido no curso de sistemas de informação da Faculdade Barretos inspira soluções para desafios socioambientais

A Tecnologia da Informação e Comunicação (TICs) permeia todas as esferas de nossas vidas, incluindo comércio, lazer, saúde, agricultura, comunicação, pesquisa e muito mais. É difícil imaginar qualquer atividade que não envolva recursos computacionais, como TVs, celulares, smartwatches, carros e até utensílios domésticos com a tecnologia da Internet das Coisas (IoT). Atualmente, uma das principais metas do uso das TICs é promover a produtividade e a sustentabilidade, especialmente em atividades que visam melhorar a qualidade de vida, reduzir desigualdades, preservar o meio ambiente e eliminar a fome.
Envolvendo profissionais de tecnologia na criação de sistemas voltados para práticas sustentáveis, temos um grande desafio que vai além das habilidades técnicas, abrangendo também valores humanos sustentáveis.
À medida que a tecnologia avança, surgem novas metodologias para agilizar o desenvolvimento de soluções. HACKATHON é uma competição que inclui desenvolvimento de software, na qual equipes multidisciplinares se dedicam a compreender um problema específico, propor soluções viáveis e desenvolver sistemas para abordar desafios de diversas áreas. A solução, total ou parcial, deve ser desenvolvida em um curto período de tempo, variando de dois a cinco dias ou até mesmo apenas um dia. Essa limitação de tempo concentra todos os membros da equipe na resolução do problema.
Entre os dias 23 e 25 de outubro, o curso de Sistemas de Informação da Faculdade Barretos realizou um HACKATHON no qual alunos do primeiro ao quarto ano formaram equipes para participar dessa maratona.
O tema deste HACKATHON tinha como objetivo criar soluções inovadoras e tecnológicas que contribuíssem para o avanço dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS 2030) da Organização das Nações Unidas (ONU). Os Objetivos do Desenvolvimento Sustentável incluem erradicação da pobreza, fome zero e agricultura sustentável, saúde e bem-estar, educação de qualidade, igualdade de gênero, água limpa e saneamento, energia limpa e acessível, trabalho e crescimento econômico, indústria, inovação e infraestrutura, redução das desigualdades, cidades e comunidades sustentáveis, consumo e produção responsáveis, ação contra a mudança global do clima, instituições eficazes e parcerias e meios de implementação, entre outros.
Cada equipe escolheu um desafio dos ODS e, ao longo de três dias, os membros se dedicaram a compreender as metas do desafio escolhido e a desenvolver soluções de tecnologia.
As soluções desenvolvidas incluíram um site para integrar pequenos produtores agrícolas visando aumentar a produtividade de forma sustentável, uma plataforma web para conectar entidades assistenciais e fornecedores de produtos ou serviços, e uma aplicação móvel para melhorar a mobilidade urbana por meio de georreferenciamento.
A solução vencedora da maratona abordou o desafio de ação contra a mudança global do clima. Foi criada uma aplicação web que conscientiza a população sobre questões climáticas de forma dinâmica, integrando tecnologia web com o metaverso por meio de uma técnica de “gamificação”, na qual os usuários ganham “créditos” no ambiente do metaverso ao interagir com a aplicação.
Uma banca avaliadora composta por profissionais e empresários das áreas de tecnologia sustentável, inovação, educação, sociologia e computação de nível nacional e internacional avaliou os trabalhos apresentados.
O curso de Sistemas de Informação da Faculdade Barretos inovou ao tentar fazer a diferença para as gerações futuras promovendo soluções inovadoras e tecnológicas que contribuam para o avanço dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS).

Andre Luiz Zanon, Maria Ludovina Ap. Quintans,
Curso de Sistemas de Informação da Faculdade Barretos

 

Compartilhe: