Ir para o conteúdo

sexta-feira, 07 de abril de 2017

Artigos

Gratidão e cultura do encontro

Quando pensamos nas pessoas fundamentais em nossa vida logo pensamos em nossos pais, parentes e amigos que, claro, nos dão fundamentos para nossa vida.  
Mas se olharmos ao redor, no nosso convívio, quantas e inúmeras pessoas contribuem para nosso crescimento, nossa formação, enfim para nossa vida. Mas ao mesmo tempo não somos gratos por essas pessoas que nos auxiliam a sermos pessoas. 
Temos consciência que somos pessoas a partir das relações que estabelecemos uma com as outras. Essas relações nos promovem crescimento pessoal e mutuo. Pois bem, que essas relações sejam sempre motivadas pela gratidão e promovam a cultura do encontro, pedido esse do nosso querido Papa Francisco.
 
Pedro Henrique Lopes
Seminarista

Compartilhe: