Ir para o conteúdo

segunda-feira, 24 de junho de 2024

Artigos

Feliz Ano Novo

Bom dia, Barretos!
Estamos nos estertores de 2.022 e já raiano horizonte 2.023. Deveríamos aproveitar as últimas horas do ano que termina, para fazermos uma retrospectiva de nossas vidas ao longo do último ano. Momentos de alegria, de rara felicidade de manifestações de amor e relacionarmos também nossas decepções, as tristezas, as doenças que nos acometeram, e fazemos um acerto de contas, para ao final agradecer a Deus, pela vida pela sua manutenção e por nos conceder o prazer de receber 2.023, cantando como sempre fazíamos: “Adeus ano velho, Feliz ano novo”. Mas, que o adeus ano velho não seja vai embora, você acabou não serve para mais nada, carregado de um rancor, por não ter realizado todos os seus sonhos, mas um adeus saudoso por mais que o ano tenha sido carregado de momentos difíceis, pois nos preservou a vida, e um feliz ano novo carregado de fé e esperança de dias melhores sempre com as bênçãos de DEUS. A esperança e a fé de mãos dadas, isto é juntas é capaz de remover montanhas de nossos caminhos, e o novo, sempre nos encanta e no faz sonhar. Hoje é um dia especial, para abraçarmos afetuosamente uns aos outros, e para desejar um início de ano, bem como, todo o seu percorrer salpicados de momentos de rara felicidade e que nossos sonhos possam se materializar.
É momento de esquecermos as rugas do dia a dia e abrir o coração para dele jorrar bênçãos e sentimentos nobres. É um momento mágico de se desejar o melhor, pois por mais maravilhoso que tenha sido o último ano sempre pode se ter um ano melhor. Hoje quero desejar a todos os meus irmãos barretenses um ano novo de muita paz interior, de muita saúde e de muitas oportunidades.
Por fim um último lembrete, tudo que ocorre no nosso exterior começa com o que se passa em nossa alma, por isso meu último desejo, é de que tenham paz interior e muitas bênçãos de Deus, na jornada que está se iniciando.
Bom dia, Barretos.

Compartilhe: