Ir para o conteúdo

sexta-feira, 04 de julho de 2014

Artigos

Direto da Fonte

A Câmara Municipal…
…tem que tomar cuidado com e-mails enviados com o emitente “assessorialegislativabarretos”, que traz ataques frontais a uma instituição da cidade, mas não se sabe de quem partiu o e-mail. É como se fosse um e-mail anônimo. O e-mail de assessores tem que conter o nome do assessor, telefone, celular e, principalmente, o vereador que está representando. Esse só traz o “assessorialegislativabarretos”. Fica parecendo que é da instituição Câmara. De qualquer forma, anônimo aqui não!
 
O Feirão de Empregos…
…que aconteceu ontem no estacionamento do North Shopping Barretos das 8h às 11h atendeu 1.300 pessoas. O Feirão é uma ideia que merece elogios porque aproxima o mercado do trabalhador numa pro atividade inédita e rara. Por outro lado vislumbra um índice sempre medido pelo IBGE com relação ao Brasil todo. Trata-se do “índice de desocupação”, ou pessoas potencialmente aptas a trabalhar, mas que não estão fora do mercado de trabalho. Quer entender uma cidade conheça seus números! 
 
Falando em empregos…
…a questão dos 1.700 do Friboi noticiadas no início da semana tem um “buraco” bem mais embaixo. A discussão que vai sempre parar na Justiça é relativo à cobrança do percentual de ICMS quando a empresa negocia de um estado para outro. Exemplo: a empresa compra um produto num estado e paga um ICMS de 3%. Quando entra em outro estado faz a nota com 12%. O governo quer cobrar a diferença 9%. Ai entra a Justiça, o Confaz e a insatisfação da empresa. É a tal guerra fiscal!
 
O brasileiro anda…
…sempre no vermelho, mas os bancos brasileiros não! O anuário inglês The Banker, do Financial Time, analisou mais de 1.000 bancos no mundo todo. Mostrou que 25 estão no vermelho e precisam entrar no cartão de crédito ou no cheque especial. Desses 25 bancos, nenhum é brasileiro. São da Bélgica, Itália, Irlanda, Espanha, Reino Unido, Grécia entre outros. O que significa que os bancos brasileiros estão no azul, vão bem obrigado, embora o brasileiro esteja sempre no vermelho. Cheque mate! 
 
Os antibióticos…
…estão perdendo a guerra para as bactérias. Estudo da Organização Mundial de Saúde em 114 países demonstrou os motivos são: o uso indiscriminado, o fato de as indústrias não fabricarem novos antibióticos e a inteligência das bactérias em ser mutáveis e ficar estão cada vez mais resistentes. O assunto é tão sério que no início do mês foi criado um grupo de estudo do G7 (os sete países mais ricos) para estudar e buscar uma solução para o caso. Enquanto isso esqueça a automedicação, ou medicação de amigos!
 
Já foi dito…
…que o brasileiro é apaixonado por carro. Mas agora está mais que provado. Pesquisa encomendada pelo CNDL e SPC Brasil mostraram que de cada 100 pedidos de financiamento 35 são para comprar carros. Reformar a casa e pagar a faculdade são interesses menos importantes. Aparecem em 4% e 3% das intenções de financiamento. Além disso, o consumidor pode economizar até 20% se comparar as linhas de crédito oferecidas pelos bancos. Diz mais: juro Zero não existe!
 
O complexo do…
…do vira-lata ronda a seleção brasileira. Por isso chamaram uma psicóloga para tentar reverter a situação. Dificilmente um trabalho de poucos dias, muda um complexo que deveria ser combatido no início de tudo. Em 1982 o Brasil tinha uma das melhores seleções do mundo, mas fraca emocionalmente. Perdeu e chorou. Falcão era um dos jogadores da época e gritou para um Cerezo chorão: “Agora não adianta chorar, tinha que ser forte antes”. O técnico era o brilhante Tele Santana.
 
Tele Santana…
…era um estrategista de primeira. Mesmo assim, não conseguiu, com uma equipe de primeira levar o time as finais. A Itália foi o carrasco da seleção. Amanhã o carrasco poderá ser a Colômbia. Agora é hora de um líder. Deram a faixa de Capitão para o cara errado. Davi seria mais adequado. Mas alguém tem que liderar, já que Felipão só pelo jeito de olhar mostra também desespero. A Colômbia não é time para o Brasil. Só se o time amarelar mais ainda.

Compartilhe: