Ir para o conteúdo

segunda-feira, 04 de março de 2024

Artigos

Diocese de Barretos

A Diocese de Barretos completa hoje, dia 14 de abril, 50 anos de sua criação pelo papa Paulo VI (1973). Por ter como padroeiro a terceira pessoa da Santíssima Trindade, o Divino Espírito Santo, a celebração oficial deste seu Jubileu de Ouro acontecerá na solenidade de Pentecostes, neste ano dia 28 de maio.
Barretos e sua região pertenciam à Diocese de Jaboticabal desde 1929. No governo do bispo Dom José Varani se dinamizou o estudo em criar uma diocese barretense, contando também com o importante trabalho nesse sentido de uma equipe coordenada pelo então pároco da matriz do Divino Espírito Santo de Barretos, então padre Antônio de Souza,CSS, hoje bispo emérito de Assis-SP.
Publicado no jornal “L´Osservatore Romano”, órgão oficial da Santa Sé, aos 6 de maio de 1973, a bula papal “Adsiduum Studium” (Estudo assíduo) datou a criação aos 14 de abril, com a nomeação do primeiro bispo para a Diocese de Barretos o então Monsenhor José de Mattos Pereira, natural de Taiúva-SP. Ordenado bispo aos 6 de junho, tomou posse na neocatedral de Barretos aos 09 de junho daquele ano.

Compartilhe: