Ir para o conteúdo

quinta-feira, 23 de maio de 2024

Artigos

DEPRESSÃO

Bom Dia Barretos.

Ultimamente, um novo vocábulo vai tomado espaço em nossas conversas. É a depressão. A depressão nada mais é que a fuga da realidade, as pessoas entregaram os pontos diante das circunstâncias adversas, e fogem da realidade se escondendo num quadro depressivo.  É a falta de vontade de enfrentar com sucesso as contrariedades cotidianas. Fogem do embate e desejam a piedade do próximo.

Os consultórios de psicólogos, psiquiatras e demais terapeutas andam abarrotados de pessoas depressivas, que perderam a vontade de lutar e preferem receber piedade em vez dos aplausos aos vencedores. A pessoa depressiva mais que doente, é uma pessoa derrotada, que fugiu do embate diante das dificuldades.

O processo de cura, difícil e nem sempre eficaz, começam a tomar psicotrópicos que acabam fazendo os pacientes muitas vezes reagirem no automático, com expressões amortecidas que dificultam ainda mais a socialização. O melhor remédio para não entrar em depressão ou dela fugir é enfrentar a realidade com seus bons e maus bocados, aceitando como normal os desentendimentos passageiros e ter muita fé e confiança na persistência da luta.

Aliás, a fé é importante em todos os momentos de nossa vida, mas quem dispõe de uma fé inabalável não entra em depressão. A fé nos faz sonhar com o possível, acreditar no êxito de nossa luta e, consequentemente, levar uma vida saudável, desprovida da necessidade de calmantes, antidepressivos e toda uma gama de novos medicamentos que impulsionam as ações dos laboratórios na Bolsa, mas tornam os humanos dependentes e entorpecidos.

Se você está depressivo, procure ajuda, fuja do excesso de antidepressivos, reforce a sua fé, acredite na cura pelo milagre da fé, desde que você creia.

Apegue mais a sua religião, seja ela qual for, aproxime mais de Deus e verá o milagre acontecer. São formas alternativas para tratar a depressão ou mesmo evitá-la e com mais sucesso que o tratamento com antidepressivos, que torna os pacientes apáticos, adormecidos e desprovidos de uma facie sadia. Enfim, seja feliz, pois os felizes não são depressivos.

 

BOM DIA BARRETOS.

Compartilhe: