Ir para o conteúdo

segunda-feira, 29 de novembro de 2021

Artigos

Depois da tempestade…

Desde muito novos ouvimos o tal ditado popular o qual diz que depois da tempestade vem a bonança. Na verdade, nunca entendemos seu real significado, nos deixando iludir.
A tempestade causada pela Covid 19 está ficando mais branda e estamos confiantes que está chegando ao fim, e isso quer dizer então, que também está começando a hora da calmaria. Cada um terá que lutar pela sua própria bonança, que dependerá de muita resiliência, força e garra para acontecer.
Como animais assustados depois de uma grande tempestade, estamos saindo aos poucos da toca, avaliando os estragos e tentando superá-los. Nossa “floresta” não é mais a mesma, perdemos familiares, perdemos amigos, perdemos empregos, perdemos certezas, perdemos o chão. Muitas cicatrizes fazem parte agora de nossa nova vida, e sinceramente ainda não aprendemos como lidar com elas.
O sol que sempre traz esperança depois do dilúvio, tem aparecido tímido, e ainda não confiamos que será capaz de permanecer por muito tempo.
O estrago foi grande, e demorará um certo tempo até que consigamos atingir a “bonança”. Ninguém havia nos explicado que teríamos que lutar para consegui-la. Ninguém havia nos explicado que nem todos serão capazes de superar os estragos e consegui-la.
Depois da tempestade vem sim muita dificuldade, mas dia a dia nos aproximamos mais de conseguir o pote de ouro que está no final do arco-íris.

Erika Borges, cronista e escritora – autora do livro Crônicas e Reflexões da Vida
Membro do Coletivo RELIATES (Rede Literária Independente e Artes).

Compartilhe: