Ir para o conteúdo

segunda-feira, 24 de junho de 2024

Artigos

Como o estresse pode levar ao envelhecimento precoce

Provavelmente, você já ouviu falar que o estresse causa rugas e envelhece, não é mesmo? Sabia que isso não é apenas um mero ditado popular? Isso mesmo. Essa relação do estresse com o envelhecimento precoce faz parte dos estudos de cientistas há tempos.
Hoje em dia, a relação entre o estresse e o envelhecimento precoce não é mais apenas uma expressão popular.
Isso porque pesquisadores da Universidade de Duke, dos Estados Unidos, após muitos estudos, descobriram que um dos apontamentos que explicam essa relação é que a adrenalina e cortisol, hormônios que são liberados quando a pessoa é tomada pela tensão, acaba diminuindo a quantidade de proteínas e causam desordens no nosso DNA.
O corpo que sofre com estresse constante não apenas sente os seus efeitos no sistema nervoso, mas também em todo o corpo, uma vez que a adrenalina e o cortisol inundam todo o organismo e causam consequências, como:

• Acidente Vascular Cerebral;

• debilitação do sistema imunológico;

• doença de Alzheimer;

• aumento de peso;

• ansiedade e baixa auto-estima;

• disfunção erétil;

• pele, dentes e cabelos enfraquecidos, entre outros.

Além disso, na tentativa de escapar dos sentimentos negativos, decorrentes do estresse crônico, muitas pessoas buscam refúgio em ações de “relaxamento” como bebidas, drogas e apostas em jogos, por exemplo, causando, assim, a dependência.
Os cuidados com o corpo e com a mente devem se tornar prioridade, a fim de que sejam evitados o aparecimento de casos de estresse, ansiedade e envelhecimento precoce.
É importante salientar que, quanto mais fortes emocionalmente, maior a probabilidade de vivermos uma vida mais longa e saudável, com qualidade. Devemos buscar meios de enfrentar o estresse, buscando estratégias e medidas para exercitar o cérebro com a finalidade de cuidar e melhorar nossa saúde mental, a fim de melhorar a longevidade e qualidade de vida.

 

 

Luciana Maria Depieri Branco
Neurocientista
SBNeC n° 16253
www.reabilitacaomultimidia.com.br

 

Contato Ginástica para o Cérebro: Hospital São Jorge (17) 3321-5050

Compartilhe: