Ir para o conteúdo

sexta-feira, 22 de outubro de 2021

Artigos

Brasil não atinge metas de vacinação e queda nos números pode trazer doenças erradicadas de volta

Em 2020, o Brasil não atingiu nenhuma das metas de cobertura das vacinas infantis disponíveis no Programa Nacional de Imunização (PNI). O ideal é que as taxas fiquem em, pelo menos, 90%, mas, no caso do ano passado, o índice ficou em 75%, continuando uma sequência de quedas, que acontece desde 2015.
As vacinas são seguras, eficazes e gratuitas, além serem obrigatórias no Brasil para crianças, de acordo com o Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA), mas, os índices de vacinação atuais, são similares aos dos anos 80. Especialistas acreditam que o fato pode estar relacionado a diferentes fatores como a pandemia, a desinformação e as fake news.
O sucesso da vacinação, que causou a erradicação de muitas doenças também pode ter causado uma ideia de distanciamento delas, mas essa não existência só permanece se as vacinas forem aplicadas continuamente da maneira correta.

Compartilhe: