Ir para o conteúdo

segunda-feira, 22 de abril de 2024

Artigos

A Paz de Cristo

Bom dia, Barretos!
No mundo perturbado que estamos vivendo, o que mais precisamos é de um pouco de paz interior. As pessoas se estressam por qualquer coisa, se agridem e chegam até a sair do boca a boca para a agressão física. O que vemos no dia a dia no relacionamento humano, está se reproduzindo entre as nações, que com o espirito guerreiro, e a ânsia se se tornar potência mundial, espalham medo e terror às suas populações. Muitas vezes, deixamos que a inveja defina nosso comportamento, desejamos o mal ao próximo, esquecendo as lições de amor pregado pelas religiões cristãs. Vamos aos templos, como se estivéssemos indo a um compromisso social, sem deixar que nosso espírito possa fazer um mea-culpa dos erros cometidos e buscar melhorar o comportamento com o próximo. Buscamos com a música estridente, com os filmes de terror, com o barulho ensurdecedor fugir do vazio em que nos encontramos, temerosos de nos introverter e constatarmos que estamos no caminho errado, caminho que está nos levando aos quadros de angustia e depressão, cada dia mais frequente em nossa sociedade. Nos falta a paz interior, a paz de Cristo, para que em paz possamos fazer uma análise sensata de nossa conduta, melhorando onde temos que melhorar, mudando nosso comportamento e retomarmos uma conduta fraterna com os nossos irmãos. Quando o homem deixar de lado o espirito de competição e desejar ao seu próximo o mesmo sucesso que deseja a si próprio, perceberá que as coisas começarão a mudar em sua vida. Quando se deseja o bem a alguém o maior beneficiado é a própria pessoa, pois a carga energética que nós irradiamos nos atinge em primeiro lugar, e a carga negativa que se deseja a alguém também atinge quem a irradia. Então desejar o bem ao próximo, significa estarmos nos capacitando para dias melhores. Deixemos, pois que a paz de Cristo invada nossas almas, sejamos mais fraternos com os nossos próximos e mudemos nossas vidas melhor. A paz de Cristo para você e toda a sua família.
Bom dia, Barretos.

Compartilhe: