Ir para o conteúdo

quinta-feira, 30 de maio de 2024

Artigos

10 dicas para uma alimentação saudável

Olá!!
Existe uma relação direta entre nutrição, saúde e bem-estar físico e mental. Os estudos comprovam que a boa alimentação tem um papel fundamental na prevenção e no tratamento de doenças. Hipócrates já afirmava: “que teu alimento seja teu remédio e que teu remédio seja teu alimento”.
Confira 10 dicas para ter uma alimentação saudável:
1. Consuma entre três e cinco porções de frutas todos os dias. Laranja, maçã, pera, melancia, tangerina, entre outras, são as melhores fontes naturais de vitaminas, minerais e fibras. Esses três componentes auxiliam o bom funcionamento do nosso intestino e auxiliam o nosso metabolismo a continuar ativo mesmo nos intervalos entre as refeições.
2. Consuma verduras e legumes. São ótimas fontes de fibras, vitaminas e minerais. Contêm fitoquímicos que são excelentes antioxidantes.
3. Consuma alimentos integrais. Eles contêm vários nutrientes, têm fibras e ajudam no controle do colesterol e da saciedade.
4. Beba pelo menos dois litros de água todos os dias. A água ajuda na hidratação da pele e é fundamental como meio de transporte de algumas vitaminas hidrossolúveis como B1, B2, B6, B12 e vitamina C. Além disso, a água é essencial para que o corpo fique disposto durante todo o dia.
5. Evite os alimentos industrializados, processados e embutidos. Estes produtos contêm inúmeras substâncias químicas, como corantes e conservantes, altas quantidades de sódio e podem, a longo prazo, causar hipertensão e sobrecarregar os rins.
6. Evite o açúcar. Os alimentos que contêm uma grande quantidade de açúcar refinado são dotados de processos químicos na sua produção e possuem alto índice de glicose, que aumentam os índices de glicemia do corpo. Essas características aceleram o envelhecimento, aumentam a flacidez por desestruturar o colágeno da pele e ainda possuem calorias e são desprovidas de nutrientes.
7. Fuja da farinha. Evite produtos com farinha refinada, como massas, bolos, biscoitos e alimentos processados, ricos em gordura e açúcar.
8. Mastigue bem os alimentos. A digestão começa na boca. Quando há ansiedade, o controle da ingestão de alimentos é prejudicado e muitas vezes, comemos mais. Quando mastigamos mais, automaticamente estamos trabalhando com a ansiedade e promovendo a saciedade fisiológica (verdadeira).
9. Tenha horários para as refeições. Elas fazem com que nosso organismo mantenha um ritmo, com estabilidade nutricional e hormonal.
10. Faça as refeições com calma. Seu organismo precisa deste tempo para processar os alimentos.
Um ótimo domingo e até o próximo!

Compartilhe: