Ir para o conteúdo

quarta-feira, 19 de junho de 2024

Notícias

Vítima quase cai no golpe do falso sequestro

Uma mulher de 25 anos foi até a delegacia e relatou que por volta das 5 horas da manhã, ela recebeu uma ligação de um número privado, onde uma mulher, passando-se por sua irmã, estava chorando e dizendo que invadiram sua casa e então, logo em seguida, um homem que se identificou como “Guga” e outro homem, que se identificou como “Rafael”, começaram a falar, dizendo que estavam com a irmã da vítima.
Inicialmente eles exigiram a quantia de R$150.000,00 e caso ela não pagasse eles iriam matar sua irmã, ocasião em que a vítima disse aos indivíduos que não detinha a quantia e que possuía apenas R$18.000,00.
Os criminosos aceitaram o valor que a vítima tinha disponível para liberar sua irmã, contudo, ela não conseguiu realizar a transferência do referido valor, pois possuía um limite para realizar transferências antes das 6 horas, e então os criminosos disseram que iriam permanecer com a vítima ao telefone até dar o horário para que ela conseguisse realizar a transferência.
Neste ínterim, uma outra irmã da vítima foi até a casa da irmã que, supostamente, estaria sob o poder dos criminosos, momento em que solicitaram uma viatura da polícia militar, os quais compareceram ao local, onde foi constatado que a suposta vítima estava bem e a ligação era uma tentativa de ludibriar a vítima para que ela realizasse a transferência do valor.
Não foi possível a vítima identificar o telefone que realizou a ligação, pois apareceu como número privado e os criminosos não chegaram a fornecer nenhuma conta bancária para transferência do dinheiro.

Compartilhe: