Ir para o conteúdo

segunda-feira, 12 de abril de 2021

Notícias

Sistema de saúde de SP pode colapsar em 25 dias com ritmo atual de internações

O estado de São Paulo pode chegar ao colapso de seu sistema de saúde em 25 dias, caso o atual ritmo de avanço da pandemia permaneça. Todos os leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) disponíveis para Covid-19 nas redes pública e privada do estado devem acabar nesse prazo, se o ritmo atual de internações pela doença e de abertura de novos leitos se mantiver o mesmo do mês de março.
O cálculo, feito por uma matemática a pedido do G1, considera a média de criação de novos leitos pelo governo e também por hospitais particulares, além do crescimento na ocupação desses equipamentos, ao longo deste mês. Isto significa que, em 25 dias, o total de leitos de UTI ocupados superaria o número de leitos criados.
Segundo a matemática Simone Batista, professora da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN) e doutora em engenharia de sistemas pela Poli-USP, o esgotamento pode ocorrer em menos tempo caso o ritmo seja o mesmo que foi verificado nos últimos três dias, e não a média de todo o mês de março. Se a velocidade dos últimos dias permanecer, o colapso poderia ocorrer já nos primeiros dias de abril, ou seja, em pouco mais de 20 dias.

Compartilhe: