segunda-feira, 13 de julho de 2020

Notícias

Seringueiro atinge esposa com tiro de espingarda quando limpava a arma

Os Policiais Militares, cabos Vasconcelos e Iara, apresentaram preso no plantão policial o seringueiro S.R.I., 43 anos, morador em uma fazenda na cidade de Colina, pelo crime de porte ilegal de arma de fogo e lesão corporal culposa.
Segundo informações, os policiais estavam em serviço, quando foram acionados, via Copom, a comparecerem até a Santa Casa de Barretos, em razão de uma pessoa ter solicitado a presença da polícia, pois, ao efetuar a manutenção em sua espingarda de pressão, no interior de sua residência, a mesma havia efetuado disparo acidental e o projétil atingido sua esposa, senhora R.P.S., 38 anos, seringueira.
Diante disso os policiais foram até o hospital e em contato com o seringueiro ele informou que havia adaptado o cano da espingarda, e com isso ela passou a calçar calibre 22, tendo o disparo ocorrido acidentalmente, e em contato com o médico que atendeu a vítima, os policiais foram informados que o tiro acertou a barriga da mulher, porém, não atingiu órgão vital, e ela ficaria internada em observação.
O suspeito foi preso, sendo arbitrada fiança no valor de R$1.050, 00 a qual não foi saldada, sendo ele recolhido em uma cela anexa à Seccional de Polícia, devendo depois ser levado para a cadeia de Colina, onde aguardará decisão judicial.

Compartilhe: