Ir para o conteúdo

domingo, 21 de julho de 2024

Notícias

Prefeitura cria comitê especial para aumentar a cobertura vacinal em Barretos

A Prefeitura de Barretos, por meio da Vigilância Epidemiológica, criou um Comitê Especial de Vacinação, formado por integrantes das pastas da Saúde, Educação, Assistência Social e Comunicação. A ação acompanha as medidas do Governo do Estado para conscientizar a população sobre a importância de manter em dia as vacinas contra doenças como paralisia infantil, sarampo, meningite.

De acordo com informações da Prefeitura, o número de pessoas que mantêm a carteira de vacinação em dia vem caindo. “É alarmante o número de crianças que estão desprotegidas com relação à poliomielite (paralisia infantil), sarampo e meningite, por exemplo”, afirmou a chefe do setor, Manuela Theodoro Ribeiro.

O infectologista da Vigilância Epidemiológica da Estância Turística de Barretos, Guilherme Freire, lembra que ainda hoje é possível encontrar pessoas que têm sequelas da paralisia infantil. “Se não houver essa consciência de os pais continuarem levando seus filhos e filhas para tomar a vacina contra a poliomielite, temos a chance de crianças voltarem a ser acometidas por essa doença, que pode provocar sequelas, paralisia e até a morte”, ressaltou.

Ainda segundo informações do órgão, o Ministério da Saúde estabelece como meta que 95% das crianças estejam vacinadas contra a doença, cobertura vacinal recomendada pela Organização Mundial da Saúde (OMS) para evitar a reintrodução do vírus da pólio. Em 2022, esse número em Barretos chegou a apenas 85%.

Compartilhe: