Ir para o conteúdo

quarta-feira, 24 de abril de 2024

Notícias

Polícia vai investigar falso atestado médico apresentado por funcionária de escola

Uma empresaria de 30 anos foi até a delegacia e em relato ela afirmou que no dia 26/02, uma funcionária de sua escola apresentou um atestado médico para sete dias de dispensa de seu trabalho, alegando estar com Gripe Influenza, e que ela havia comparecido até uma Unidade Básica de Saúde no dia 24/02, quando então recebeu o diagnóstico e o atestado médico.

Ocorre que a proprietária da escola teria visto fotos de sua funcionária e de outra jovem em uma piscina no domingo, dia 25/02, e quando recebeu o atestado, desconfiou da veracidade dos fatos.

Diante disso a empresária compareceu até a Unidade Básica de Saúde para checar as informações e em contato com o médico citado no atestado, ele confirmou que o documento era falso, e que a pessoa não havia se consultado com ele nos últimos dois anos.

Também foi verificado que a outra jovem também havia passado pelo médico e que ela havia recebido atestado do mesmo médico, com dispensa de cinco dias, contudo, no caso dela o médico confirmou a veracidade do atendimento e do atestado.

Ao final foi informado que as duas investigadas residem juntas e o carimbo e assinaturas dos dois atestados (o falso e o verídico) são, visivelmente, muito parecidos.

O caso foi registrado como falsidade ideológica e encaminhado ao setor de investigação.

Compartilhe: