Ir para o conteúdo

sexta-feira, 21 de janeiro de 2022

Notícias

Policia Militar prende no centro da cidade dois homens por sequestro e cárcere privado

A Polícia Militar de Barretos, com os policiais, Parise e Rafael, prenderam pelos crimes de sequestro e cárcere privado os indiciados D.S.S., homem, 30 anos, morador no bairro Bela Vista e F.E.C.S., 37 anos, morador no bairro Sumaré, sendo ainda apresentada na delegacia a vítima A.C.G., mulher, 41 anos, moradora no bairro Zequinha Amêndola.
Segundo consta, os policiais estavam em patrulhamento pelo centro da cidade, ocasião em que próximo a igreja da Catedral do Divino Espirito Santo, a vítima, que conduzia um carro, fez gestos aos policiais, que então efetuaram a abordagem do veículo que ela estava, sendo que logo atrás seguia outro carro.
Neste momento um indivíduo que estava no veículo com a vítima, desceu e entrou no outro carro, um veículo Ecosport, cor prata, modelo antigo, que então deixou o local, sendo observado que um homem havia ficado para trás e ele tentou disfarçar, indo até uma lanchonete, mas nenhuma moto foi visualizada neste momento.
A vítima estava bastante assustada e em relato aos policiais ela disse que cinco indivíduos com motos e um carro, a estavam seguindo e um deles, havia entrado no carro dela e depois fugido, tendo ela indicado que um dos indivíduos era aquele que foi até a lanchonete, sendo ele que ocupava a moto que a fechou.
Imediatamente os policiais abordaram o indivíduo e ele disse que a mulher havia sido parada e um amigo dele, de nome “Diego” teria entrado no carro dela, ocasião em que foi solicitado apoio a outras viaturas e diligencias foram realizadas na tentativa de localizar o veículo Ecosport, porém, sem êxito.
O indivíduo foi identificado como “Francisco” e ele confessou que a motocicleta que ele pilotava estava estacionada no quarteirão de cima, e quando os policiais se dirigiram até lá, passou um amigo homem à pé, e então “Francisco” o identificou como sendo o “Diego”.
Os Militares abordaram “Diego” e o indagaram sobre ter entrado no carro da mulher e ele disse que eles estavam “curtindo”, que iriam para uma festa e iriam beber, porém, quando questionado se conhecia a mulher, ele respondeu que não.
Depois, os dois homens confessaram que “fecharam” a mulher no trânsito, um deles invadiu o carro e ela foi obrigada a fazer o caminho que eles determinaram, conforme ela relatou.
Diante dos fatos, foi dada voz de prisão a ambos e os dois homens foram levados para a delegacia, sendo observado que os dois indivíduos, quando interrogados, apresentavam-se, aparentemente, sob efeito de drogas, pois, em que pese a gravidade da situação, ambos davam risada dos fatos.
Os dois tiveram suas prisões ratificadas, sendo arbitradas fianças, as quais não foram saldadas, sendo os dois indiciados levados para a cadeia da cidade de Colina, onde permaneceram presos e a disposição da Justiça.

Compartilhe: