Ir para o conteúdo

segunda-feira, 20 de maio de 2024

Notícias

Polícia Civil prende indivíduo por extorsão após não pagamento de programa sexual

Um homem foi preso pelo crime de extorsão, além de outras infrações, por Policiais Civis da DIG/DISE de Barretos, sendo informado pela polícia que no mês de janeiro deste ano, uma pessoa teria contratado uma garota de programa, mas não pagou pelos serviços dela.

Em razão disso a mulher ligou para o investigado, o qual também será investigado por exploração de prostituição, que interveio em seu favor e extorquiu a vítima, para que fosse saldado o débito, obrigando a vítima a entrar em seu veículo e em seguida eles foram até um banco para efetuar o saque do dinheiro.

Ocorre que a vítima não conseguiu realizar a operação de transferência dos valores exigidos, e então o criminoso ameaçou revelar os fatos à família da vítima e lhe tomou a motocicleta, documento de identidade e cartões bancários, como garantia de pagamento, e ainda constrangeu a vítima em seu local de trabalho.

Diante dos fatos, foi instaurado inquérito policial, e o Delegado responsável pela investigação, Dr. Marcelo Gambi, representou ao Poder Judiciário pela expedição de Mandados de prisão temporária em desfavor do autor pelo prazo de 30 dias, sendo a representação acolhida pelo Poder Judiciário.

Na manhã de ontem, quinta-feira (18/04), a Polícia Civil, deu cumprimento às referidas ordens judiciais, nos bairros Fortaleza e Jockey Clube e durante as diligências foram apreendidos os cartões bancários e um capacete, pertencentes à vítima, além de telefones celulares, notebooks, e uma espingarda de pressão com luneta, contudo, a motocicleta da vítima não foi localizada.

A operação policial contou com efetivo de sete policiais civis, em duas viaturas, da Central de Polícia Judiciária e DISE de Barretos e as investigações terão prosseguimento para apuração de outros delitos correlatos, além da identificação de eventuais partícipes.

Compartilhe: