Ir para o conteúdo

segunda-feira, 20 de maio de 2024

Notícias

Pescadores profissionais e estabelecimentos que possuem estoques de peixes devem declarar até sexta-feira (3)

Segundo informações da Polícia Militar Ambiental, pescadores profissionais e estabelecimentos que possuem estoques de peixes nativos devem declará-lo, identificando a quantidade de cada espécie até o 2º dia útil de novembro, nesta sexta-feira (3).

Saiba o que é proibido e permitido durante a Piracema, de acordo com a organização:

É proibido pescar peixes nativos da bacia do Rio Paraná, Pesca Subaquática, utilização de animais aquáticos como iscas, embarcação, trapiches e plataformas flutuantes de qualquer natureza, competições de pesca, pescar em lagoas e marginais, pescar a menos de 500 metros de confluências e desembocaduras de rios, lagoas, canais e tubulações de esgoto, pescar a menos de 1.500 metros a montante e jusante das barragens de reservatórios de hidrelétricas, escadas de peixes, cachoeiras e corredeiras.

Porém, é permitido pescar peixes não nativos da bacia do Rio Paraná. Lembrando que a captura máxima para pescadores amadores é 10kg, mais um exemplar. Para o pescador profissional não há quantidade máxima. Pescar em barrancos, pescar com linha de mão, caniço, vara com molinete ou carretilha com uso de iscas naturais e ou artificiais, pescar embarcado e desembarcado nos reservatórios, competição de pesca nos reservatórios para peixes não nativos da bacia, pescar com iscas de peixes vivos da bacia do Rio Paraná, provenientes de criações e acompanhados de nota fiscal ou nota do produtor.

Compartilhe: