terça-feira, 07 de julho de 2020

Notícias

“Não deixem de doar sangue, estamos tomando todos os cuidados”, destaca coordenador do Hemonúcleo

Amanhã (14), é celebrado o Dia Mundial do Doador de Sangue. Em virtude da pandemia do Coronavírus (Covid-19), o Hemonúcleo do Hospital de Amor, registra um baixo volume de doações.
Em Barretos, o Hemonúcleo do Hospital de Amor, é responsável pela captação de doações de sangue e distribuição para os hospitais de Barretos, Colina, Colômbia, Guaíra e Jaborandi, atua na coleta das doações de sangue. Em virtude das comemorações do Dia Mundial do Doador, o coordenador do Hemonúcleo, enfermeiro Nixon Ramos da Silva, agradeceu as pessoas que fizeram a doação nesta semana e que pretendem doar ainda nos próximos dias. “Nós estamos passando por um momento muito difícil de doação de sangue e gostaria de passar um recado para todas aquelas pessoas que estão com medo de fazer a doação, que estamos tomando todos os cuidados necessários de higienização e distanciamento social, é muito importante que essas pessoas que doam sangue e plaquetas venham doar”, afirmou Nixon.
Segundo Nixon, a maior dificuldade no momento é de sangue do tipo O e RH negativo. “Não deixem de doar sangue, a doação é muito importante, principalmente neste momento de pandemia. Gostaria de agradecer a todos os doadores e parabenizar pelo Dia Mundial que é comemorado neste domingo”, ressaltou Nixon.
Dia Mundial
A data foi instituída pela Organização Mundial da Saúde (OMS), com o objetivo de incentivar a doação voluntária e divulgação do gesto que pode salvar vidas. No Estado de São Paulo também é realizada a campanha “Junho Vermelho” como forma de estimular a doação de sangue, de acordo com a Lei 16.389 de 2017.

Compartilhe: