quarta-feira, 02 de dezembro de 2020

Notícias

Justiça torna José Serra réu pelo recebimento de doação milionária

O juiz Marco Antonio Martin Vargas, da 1ª Zona Eleitoral de São Paulo, acatou na quarta (4) a denúncia apresentada contra o senador José Serra (PSDB-SP) e tornou o tucano réu na investigação que apura o recebimento de caixa dois no valor de R$ 5 milhões em doações eleitorais não contabilizadas na campanha eleitoral de 2014.
A decisão ocorre poucas horas depois do ministro Gilmar Mendes, do STF (Supremo Tribunal Federal), liberar a investigação para a Justiça Eleitoral. Se não fosse aceita, a denúncia também perderia a validade nesta quarta-feira.
A denúncia da Lava Jato também envolve o fundador da Qualicorp, José Seripieri Júnior, e os empresários Artur Azevedo Filho, Rosa Maria Garcia e Mino Matos Mazzamati. Eles responderão, na medida de suas participações, por associação criminosa, falsidade ideológica eleitoral e lavagem de dinheiro, com penas que variam de 3 a 10 anos de prisão.

Compartilhe: