Ir para o conteúdo

quarta-feira, 26 de janeiro de 2022

Notícias

Homem tem conta na rede social hackeada e vendas indevidas são feitas em seu nome

A vítima P.V.L.F., 30 anos, foi até a delegacia e informou que ele tentou acessar na internet a sua conta na rede social Instagran, e então constatou que não era possível, pois a referida conta, aparentemente, havia sido hackeada, estando ele sem acesso temporariamente.
Somente depois de conseguir acessar seu segundo e-mail de verificação, através de sua conta no Outlook, que a vítima confirmou que seu Instagram de trabalho realmente havia sido hackeado por pessoa desconhecida, ocasião em que ele se deparou com diversas postagens em sua página, oferecendo produtos para venda.
Ocorre que a vítima desconhece estas ofertas de vendas, sendo possível ainda verificar que a pessoa que hackeou sua conta, também havia mudado o nome da conta para [email protected], utilizando dois números de telefones para vendas e contato, respectivamente.
Ao final a vítima informou que após recuperar sua conta, recebeu diversas ligações de seus contatos reclamando que haviam comprado seus produtos e não receberam, tendo ele explicado que desconhece estas comercializações e nunca autorizou a sua postagem.

Compartilhe: