Ir para o conteúdo

quarta-feira, 22 de maio de 2024

Notícias

Homem que perseguiu e agrediu a ex-namorada é condenado a 17 anos

Passado um ano, a jovem Mariana Américo Fernandes da Silva, de 26 anos, que foi agredida e ameaçada de morte pelo ex-companheiro em Barretos, já está mais aliviada. O agressor foi condenado pela Justiça a 17 anos de prisão em regime fechado.

Mariana chegou a ser trancada em um quarto e espancada, mas conseguiu pedir ajuda e teve uma medida protetiva concedida pela Justiça. O rapaz foi preso após invadir o local que ela trabalhava para roubar e descumprir a medida protetiva.

‘Meu advogado me ligou e eu fiquei extremamente feliz com a decisão da Justiça’, disse.

Compartilhe: