sábado, 11 de julho de 2020

Notícias

Homem é multado pela segunda vez em 11 dias, suspeito de transportar carga ilegal de peixes

A Polícia Ambiental de Barretos apreendeu mais uma grande quantidade de peixes que haviam sido pescados indevidamente nas águas do Rio Grande, na cidade de Colômbia.
De acordo com as informações prestadas pelo sargento Casagrande, da Polícia Ambiental, chegou a informação de que havia dois indivíduos carregando peixes em um caminhão, o qual estaria estacionado em frente a uma casa, no bairro Porto Bambu, naquele município.
Ainda de acordo com a denúncia, os peixes haviam sido capturados de madrugada na barragem da Usina hidrelétrica de Porto Colômbia, local proibido para a pesca, e então, duas equipes foram ao local e quando lá chegaram, abordaram dois indivíduos, sendo um deles o motorista de uma peixaria de São Paulo, com um caminhão baú carregado com gelo, e o outro com 287 kg de peixes, cujos pescados estavam dentro de um veículo Fiorino, e no interior de um freezer disposto no quintal da residência.
As equipes constataram que 30 kg dos peixes estavam com tamanhos inferiores ao permitido para a pesca, sendo que o restante não havia comprovante de origem, ou seja, nota fiscal.
Foi elaborada a apreensão de todo o pescado por configurar infração administrativa e crime ambiental, tendo sido os peixes doados à instituições filantrópicas de Barretos.
Um dos indivíduos já é conhecido da Polícia Ambiental, tendo em vista as diversas infrações que já cometeu, principalmente por ter sido autuado na ocorrência lavrada no último dia 11 de maio, onde foram apreendidas quase 2 toneladas de peixes.
O infrator recebeu uma multa no valor de R$ 6.440,00 e responderá por crime previsto no art. 34 da Lei Federal 9.605/98, cuja pena é de 1 a 3 anos de detenção.
Ainda de acordo com o registro policial, o infrator, ao ver as viaturas da Polícia Ambiental, tentou fugir com o veículo, mas não teve êxito, tendo sido autuado e o veículo apreendido, haja vista ele não ser habilitado.

Compartilhe: