Ir para o conteúdo

sábado, 25 de junho de 2022

Notícias

Governo Estadual adere ao piso nacional para professores

O presidente da Assembleia Legislativa do Estado de São Paulo, deputado Carlão Pignatari, celebrou na manhã de ontem (5), a adesão do governo do Estado de São Paulo ao piso nacional para professores da rede estadual de ensino. Mediante o autorizo do governador Rodrigo Garcia, o pagamento do novo valor de R$ 3.845,00 para professores que cumprem a jornada de 40 horas, será retroativo, a contar de 1⁰ de janeiro. “Estou muito feliz, porque isso demonstra o comprometimento do Estado de São Paulo com seus mais de 200 mil professores da rede pública. É uma vitória para o quadro do magistério”, destacou o presidente da Alesp.
O parlamentar ainda lembrou que além de Garcia aderir ao piso nacional, regulamentado em fevereiro deste ano pelo governo federal, a Alesp aprovou, recentemente, o aumento de 10% para a classe e a criação da nova carreira docente em São Paulo, cujo salário será de R$ 5 mil, conforme a Lei Complementar (PLC) 3/22. De acordo com o governo do Estado, os valores retroativos e o complemento para quem estiver abaixo do piso, serão pagos por meio de folha suplementar ainda em abril, no dia 14.

Compartilhe: