sábado, 11 de julho de 2020

Notícias

Equipe do Canil prende rapaz traficando drogas no Mutirão da Vila Gomes

Policiais Militares da Equipe do Canil, cabos Joaquim e Anderson Arábia, prenderam pelo crime de tráfico de drogas o indiciado G.H.S.C., 19 anos, morador no Mutirão da Vila Gomes.
Segundo consta, os policiais estavam em patrulhamento visando coibir a ação de furtos, roubos e tráfico de drogas, quando na Rua 06, bairro Monte Castelo, eles visualizaram dois indivíduos, sendo um deles descrito como negro e o outro de pele parda, estando ambos de camiseta branca.
Ocorre que os dois indivíduos, ao perceberem a presença da viatura policial, empreenderam fuga em direção ao Mutirão da Vila Gomes, tendo os policiais os perdido de vista.
Os Militares então solicitaram o auxílio e informações de outras pessoas que estavam pela via pública, e as pessoas foram indicando avenidas e ruas por onde eles haviam passado correndo.
Desta forma, depois de algum tempo os policiais visualizaram o indiciado G.H.S.C., e ele, assim que se viu muito próximo de ser abordado pelos policiais, veio a dispensar vários pinos contendo substância semelhante a cocaína, e uma nota de R$50.00, que estava no bolso de sua bermuda.
Os policiais agiram rápido e desta vez não houve tempo para o indiciado fugir, sendo localizados 32 pinos que ele havia dispensado, e em revista pessoal junto a ele os Militares nada encontraram de ilícito.
Indagado a respeito do seu companheiro, o indiciado relatou que o mesmo teria pulado muros de outras residências, porém, ele não tinha conseguido e ao ser perguntado sobre a droga por ele dispensada, o rapaz respondeu que iria falar somente em juízo.
Diante da circunstância o cabo Joaquim deu a ele voz de prisão pelo crime de tráfico de drogas, sendo ele conduzido ao plantão policial, onde em contato com o delegado, Dr. Edison Winning, o indicado continuou a optar pelo silêncio, sendo a prisão dada a ele ratificada.
A droga e o dinheiro foram devidamente apreendidos, sendo o indiciado recolhido em uma cela da cadeia anexa à Seccional de Polícia, devendo depois ser encaminhado a cadeia da cidade de Colina, onde permanecerá a disposição da Justiça.

Compartilhe: