terça-feira, 27 de outubro de 2020

Notícias

Eleições 2020

Pré-candidato a prefeito Dr. Munir Daher é entrevistado pelo JBR

Dr. Munir Daher, médico, 57 anos, pré-candidato pelo PSL, é o segundo entrevistado pela equipe do JBR para a série que apresentará todos aqueles que pretendem concorrer à prefeitura de Barretos nas Eleições 2020.
1º Caso o senhor confirme sua candidatura, porque o barretense deveria te escolher como prefeito?
R: Antes de qualquer inicio de ponderação, quero agradecer em meu nome, em nome do meu partido, o PSL e em nome de cada cidadão barretense pela extraordinária oportunidade que vocês do Jornal de Barretos estão dando, para engrandecer o debate público na nossa cidade.
A Covid-19, impôs ao mundo sua maior tragédia humana – no Brasil já ultrapassamos 75 mil mortos, podendo chegar a 150 mil irmãos e irmãs nossas, mortos – e econômica desde a quebra da Bolsa americana em 29. Teremos tempos realmente dramáticos nos anos que se avizinham. Essa tragédia está no Brasil. Lhe darei alguns números para sairmos desse ambiente de paixões e ódios que não ajudam a encontrar saídas para a crise, e usemos nossa inteligência para compreender o que nos espera. Todos os indicadores apontam que até setembro, teremos no país, mais de 20 milhões de desempregados, 50 milhões de brasileiros na mais absoluta informalidade (o que vem sendo chamado pelo especialistas como a “Uberização da Economia), outros 60 milhões devendo ao SPC/Cerasa, tivemos em junho o número recorde de 522,7 empresas fechadas – apresentou o IBGE – , a projeção do FMI é que nosso PIBirá cair 9.1% podendo chegar a 11% de queda do crescimento. Isso é três vezes mais, que o pior ano da história do Brasil. Já estamos hoje com 900 bilhões de reais de déficit nas contas públicas e a dívida pública chegará a 100% do PIB.
É essa a tragédia que está batendo na porta do todos os barretenses. Penso que o próximo prefeito a ser honrado pelo povopara comandar os destinos da nossa cidade e de nossas famílias, deva ter, antes de tudo, preparo. Conhecer em profundidade a natureza da crise, experiência para unificar todos os setores da cidade e, equilíbrio emocional para a construção de um programa de desenvolvimento municipal inclusivo e capacitador, formulado através do diálogo permanente e a participação de toda a sociedade civil de Barretos. Que proteja nosso povo, sendo capaz de ampliar o emprego e a renda no nosso município.Tenho 57 anos de vida, dedicada a Barretos. Como todos sabem, sou médico com pós-graduação em administração de saúde pública, medicina do trabalho e medicina do tráfego. Sou ficha limpíssima. Um homem de fé e dedicado a minha família. Temos sido governados por estagiários sem preparo, experiência e equilíbrio. Creio em Deus que é chegada a hora de colocarmos Barretos no rumo certo.
2ª Como o senhor (a) avalia o momento político de Barretos?
R: Vem se deteriorando muito rapidamente. Principalmente nos últimos 8 anos. A corrupção se instalou na vida política de Barretos como nunca havia se visto. Os serviços públicos não atendem à população como deveriam atender, as tarifas cobradas pelo poder público são muito altas, empobrecendo ainda mais nosso povo e eu observo com enorme preocupação, a falta de um projeto, um planejamento que retire Barretos do estado de calamidade em que ela se encontra. Tem sido tudo muito espontâneo, a toque de caixa, no obaoba e os resultados, todos nós estamos vendo agora. Um nível altíssimo de rejeição aos partidos, muitas candidaturas à beira da falência por falta de credibilidade perante a população – homens e mulheres que passaram anos na política e nunca deram respostas convincentes – que está atônita em meio à tragédia da pandemia, e já percebe sua capacidade de renda ir diminuindo dramaticamente. Por outro lado, conversando com muitos barretenses, percebo que eles estão buscando alternativas, querendo acreditar que é possível. E que somente a política é a ferramenta capaz de modificar para o bem ou para o mal, os destinos das nossas vidas e das nossas famílias. Tem sido para o mal. Mas está chegando a hora do encontro dos barretenses com seu verdadeiro destino. Que é a prosperidade, a justiça e a verdade. Barretos pode mais e nosso povo sabe disso.
3º O que o levou a pensar em ser prefeito de Barretos?
R: Desde a minha juventude sou ligado, direta ou indiretamente, em atividades políticas. Participava de agremiações e diretórios acadêmicos. Adulto entrei para a vida pública de Barretos,e cheguei a assumir como vereador por um ano. Mas para além disso, um homem quando atinge a estatura dos meus cabelos brancos e vivência de perto do sofrimento e das angustias de minha cidade, como eu vi e vivi não pode se deixar indiferente a responsabilidade para com seu povo, em doar-se ainda mais a ele para melhorar sua realidade. E é isso que me motiva e me pré-dispõem em servir de forma mais engajada ao povo de Barretos. A consciência de que é possível fazer mais por essa cidade, e a coragem de querer coloca-la no rumo certo.
4º O senhor tem alguma experiência administrativa?
R: Muita experiência. Com trinta anos de Médico, eu atuei por dois mandatos na Diretoria da Santa Casa de Barretos, seis anos de gestão. Além disso estou presente também na gestão Clínica Daher desde sua fundação. Isso sem contar que dispomos hoje, de especialistas do mais alto gabarito, conosco. Tenho comigo desde criança a sede de conhecer, de aprender, de ensinar e de cuidar. Conheço bem as dificuldades que sobre caem nos ombros do povo e do empreendedor no Brasil e em Barretos.
5º Em sua opinião, quais as maiores necessidades do município?
R – O emprego, a renda, a ineficiência no sistema de saúde municipal, são de longe, a maior preocupação do nosso povo. Mas alerto, que todos os serviços públicos estão colapsados em Barretos. A cidade não tem rumo. Está à deriva. Nosso povo desorientado e sem esperança, recebendo os impactos terríveis da incompetência dos gestores municipais, sem encontrar saída.
Se alguém perguntar: qual o papel da educação para o desenvolvimento produtivo de Barretos? Ninguém sabe. Quais níveis de eficiência da saúde nos próximos 8 anos? Ninguém sabe. Qual o papel do município na geração de emprego e renda? Ninguém sabe. Esse é o problema. Não se consegue dizer hoje, efetivamente, como será Barretos no curto, médio e longo prazos. E nós, só conseguiremos isso, através de um Programa Municipal de Desenvolvimento. É a isso que tenho dedicado todos os meus esforços. Eu e uma equipe multidisciplinar preparadíssima, estamos formulando alternativas, ouvindo a população, para apresentarmos um Programa que atenda todos os setores da vida social na nossa cidade
6º Qual seria o melhor plano para atrair empregos para Barretos?
R: Sem a menor sombra de dúvidas, com um Programa Municipal de Desenvolvimento. Esse é o eixo central de toda a formulação do nosso Plano de Governo. Quero explicar para nosso povo, primeiro, o porque dá necessidade urgente de um Programa Municipal de Desenvolvimento. Por que e o que significa cada uma dessas palavras.
– Programa são metas para as quais se estabelecem prazos, formas de execução,supervisão, avaliação e controle, bem como orçamentação e definição de fontes de recursos.Pressupõe recuperar a capacidade de planejamento de curto, médio e longo prazos. Só o Poder Público pode coordenar um programa municipal, e para tanto ele tem que ter capacidade deplanejamento e um corpo técnico competente.
– Municipal determina a todos nós que não há modelo universal a ser seguido, pois as condições de empreender são locais. O acesso a matérias-primas, o parque instalado, as condições de financiamento, a formação da nossa mão de obra, cultura e tantas outras características são locais e determinam a necessidade urgente de um plano de desenvolvimento construído para nossa Barretos.
– Desenvolvimento entendemos como o aumento da riqueza produzida por Barretos bem como, das capacidades e habilidades do nosso povo, nossas condições de vida e felicidade. Para superar a tragédia que vivemos nos últimos 20 anos é necessário romper com o amadorismo. a falta de experiência, para que haja crescimento humano e justiça social, melhor distribuição de renda e serviços públicos de qualidade.
O foco do nosso Programa inclusivo e capacitador, são 4 temáticas:
1 – Revigorar o Consumo das Famílias;
2 – Ampliar o Investimento Privado;
3 – Sanear as Finanças Públicas;
4 – Investimento nas Pessoas;
Todas essas temáticas passam necessariamente por eixos fundamentais. Quais sejam:
1 – A Recuperação do Município;
2 – Reforma Tributária Municipal;
3 – Reforma no Regime de Previdência Municipal;
4 – Industrialização no Município.
5 – Educação Qualificadora.
6 – Saúde Abrangente.
Evidentemente que cada um desses pontos se desdobra em várias outras decorrências, que serão debatidas e explicadas no curso da campanha.
O objetivo é o de aumentar a capacidade de investimento, o aumento do nosso PIB e a formação de capital interno que sustentará nosso desenvolvimento à longo prazo para gerar emprego, renda e serviços públicos eficientes no atendimento ao nosso povo.
O Programa está sendo construído para dar as respostas que a população de Barretos aguarda, no curto, médio e longo prazos. Assim que nossa candidatura estiver formalizada nas convenções, apresentaremos para todo o povo de Barretos, o caminho de esperança a ser percorrido, e se aprovado for, nas urnas, iremos colocar Barretos no rumo certo.
.7º Qual seu diferencial em relação a qualquer candidato?
R: Penso humildemente, que a minha formação humanista, familiar, religiosa, minha experiência, minha capacidade de dialogar e agregar os diferentes, meu equilíbrio emocional desenvolvido durante 30 anos como médico e gestor, possa agregar enorme valor às necessidades do nosso povo e me distinguir de qualquer outro candidato nessa eleição. Minha vida foi dedicada a cuidar, a atender e a servir o outro. São 57 anos nessa lida honrosa que Deus me deu por vocação. Deixo minha vida como testemunho para todo barretense que me conhece e para os que ainda irão me conhecer. Quero agora voltar todas essas capacidades para desenvolver um programa inclusivo e capacitador para nossa Barretos. Programa esse nascido da inteligência de todo barretense, que irmanado na missão de erguer nossa cidade, possa encontrar uma administração pública honesta, experiente, capaz e equilibrada. Voltada apenas no interesse das pessoas da nossa cidade.

Dr. Munir Daher, Pré Candidato do PSL à Prefeito de Barretos.

Compartilhe: