segunda-feira, 18 de janeiro de 2021

Notícias

Diretor da ACIB defende mudança de protocolos para reduzir ocupação dos leitos da UTI

Com os baixos índices de isolamento na cidade de Barretos e com a ocupação dos leitos de UTI (Unidade de Terapia Intensiva) do Hospital Nossa Senhora, oscilando entre 78% a 90%, o diretor da Associação Comercial e Industrial, Gustavo Miziara, defende a implantação de novos protocolos para tratamento dos pacientes. Para ele, os médicos e os profissionais de saúde estão fazendo um grande trabalho, mas é preciso antecipar o atendimento antes que o paciente busque o atendimento hospitalar com problema grave respiratório. “A gente tem tentar antecipar esse protocolo de medicamento. Já se passaram cinco meses. A gente fica preocupado e será que não conseguimos antecipar alguma medida sobre essa doença, para diminuir essa ocupação da UTI”, afirmou Gustavo.
Segundo o diretor da ACIB, as cidades de Sertãozinho e Pirassununga fizeram essa antecipação e a taxa de ocupação na UTI caiu drasticamente. “Estamos pedindo essa ajuda para os agentes públicos e agentes de saúde, para fazer essa medida para não impactar mais na economia”, afirmou Gustavo.
Para o presidente da ACIB, Roberto Arutim, a expectativa é que ocorra uma redução dos leitos de UTI para que Barretos possa galgar para a fase amarela. “O comércio e o varejo estão abertos, mas queremos que os bares, restaurantes e lanchonetes que voltem a reabrir e mantenham ao atendimento a população”, afirmou Arutim.

Compartilhe: