Ir para o conteúdo

domingo, 26 de maio de 2024

Notícias

CPI das Mensagens de Whats App recebe documentos da Prefeitura e agenda mais uma oitiva

A CPI (Comissão Parlamentar de Inquérito) que investiga mensagens de texto e de áudio compartilhadas entre pessoas e grupos no Whats App e nas redes sociais esteve reunida no início da noite de segunda-feira (23), na Câmara, para definir a sequência dos trabalhos de investigação.

 

Na reunião anterior, os vereadores Prof. Adilson (PL), Dr. Rodrigo Malaman (PSDB) e Carlão do Basquete(PSD) haviam solicitado à Prefeitura o envio de cópias integrais dos processos que constavam pedidos de munícipes ou empresas para aumento do perímetro urbano, efetivadas no Projeto de Lei Complementar nº 26/2023, que faz alterações no Plano Diretor da cidade.

 

Com as respostas em mãos, a CPI decidiu convocar Antônio Luiz Revolta, proprietário de área próxima ao bairro Vida Nova, para colaborar com as investigações. A oitiva foi agendada para a próxima segunda-feira, 30 de outubro, às 15h, na Câmara.

 

Os vereadores também haviam solicitado às operadoras de telefonia móvel (Vivo, Tim e Claro) informações sobre oito números de telefones que teriam propagado áudios e mensagens contra a honra dos parlamentares em grupos de WhatsApp durante o período de janeiro de 2022 a julho de 2023.  Porém, até agora apenas a TIM atendeu ao pedido dos vereadores. A documentação recebida está sendo analisada.

 

A CPI deve concluir os trabalhos de investigação até 02 de dezembro, com a apresentação do relatório final.

Compartilhe: