domingo, 24 de janeiro de 2021

Notícias

Conselheiro da APPP avalia resultado das eleições municipais e afirma que o setor político de Barretos está muito fraco

Em entrevista a Rádio Jornal, conselheiro da APPP (Associação Popular de Participação na Política), o relojoeiro Carlos Jesus Gonçalves, afirmou que apesar das dificuldades da eleição deste ano, devido à pandemia e com alto índice de abstenção, as eleições transcorreram com normalidade. Para ele, o resultado da votação para prefeito foi o que ele esperava, mas já com relação a eleição dos vereadores deixou a desejar devido à reeleição de vários vereadores. “Existem vereadores que não estão dizendo o porque estão na Câmara e já estão trabalhando para definir o próximo presidente da Câmara”, afirmou Carlos Jesus. Já com a falta de mulheres na Câmara Municipal, Carlos Jesus, acredita que elas não estão ocupando o espaço na sociedade para assumirem como vereadoras. “As mulheres vão resolver certos problemas que existem na Câmara. Os vereadores antigos precisam sair”, avalia.
De acordo com Carlito, a política barretense está muito fraca e Barretos vem perdendo espaço para as cidades de Olímpia, Colina e Bebedouro, que estão crescendo assustadoramente e Barretos ficando para trás e sem incentivo ao comércio. “Um exemplo, é tirar o feriado da Consciência Negra, porque outras cidades estão funcionando normalmente, como é o caso de Ribeirão, Rio Preto e Olímpia. A Consciência Negra vai existir,vamos trabalhar para isso, mas não precisa parar uma cidade”, afirmou Carlito.

Compartilhe: