Ir para o conteúdo

segunda-feira, 15 de agosto de 2022

Notícias

Casal tem prejuízo de quase 400 mil ao cair em golpe na compra e gado

Na delegacia esteve uma mulher, 54 anos, relatando que seu marido negociou a compra de 80 cabeças de gado e a negociação foi realizada com uma pessoa de nome “Gustavo”, o qual foi indicado por um corretor conhecido como “Wagner”, residente em Iporá/GO.
As vítimas não conheciam “Gustavo”, mas já tinham negociado com o
corretor em outras ocasiões e então confiaram na indicação dele, sendo o gado negociado de propriedade do J.T.Q., morador na cidade de Bom Jardim de Goiás/GO.
A pedido de “Gustavo” e do corretor “Wagner”, foram realizadas transferências dos valores da compra em três contas diferentes, sendo as transferências nos valores de R$143.936,00, R$130.000,00 e R$112.427,00, e logo após as transferências “Gustavo” enviou a foto de suposto comprovante do TED realizado para a conta do proprietário do gado.
Os animais chegaram a ser embarcados e pesados no município de Bom Jardim de Goiás/GO e a guia de transporte chegou a ser gerada, mas os valores do TED realizado por “Gustavo” não foram creditados na conta do dono do gado, e então ele recusou-se a entregar os animais.
A polícia foi acionada em Goiás e o gado ficou sob a custódia do J.T.Q., sendo que depois disso as vítimas tentaram diversos contatos com “Gustavo”, mas não tiveram sucesso e também conversaram com o
corretor “Wagner”, mas ele não explicou o que aconteceu e não soube informar sobre “Gustavo”.

Compartilhe: