Ir para o conteúdo

sexta-feira, 12 de julho de 2024

Notícias

Caixa Econômica Federal inicia pagamento da parcela de junho do Bolsa Família

Nesta quinta-feira, 20 de junho, a Caixa Econômica Federal começa a pagar a parcela de junho do novo Bolsa Família aos beneficiários que possuem Número de Inscrição Social (NIS) com final 4. O programa, que agora conta com ajustes e adições, tem como objetivo promover a transferência de renda para famílias em situação de vulnerabilidade em todo o país.

O valor mínimo do benefício é de R$ 600, mas com os novos adicionais implementados, o valor médio do benefício aumenta para R$ 683,75. De acordo com informações do Ministério do Desenvolvimento e Assistência Social, neste mês o programa alcançará 20,84 milhões de famílias, totalizando um investimento de R$ 14,23 bilhões.

Além do benefício base, o Bolsa Família também inclui pagamentos adicionais específicos. O Benefício Variável Familiar Nutriz, por exemplo, destina seis parcelas de R$ 50 a mães de bebês com até seis meses de idade, visando garantir a alimentação adequada das crianças. Há também um adicional de R$ 50 para famílias com gestantes e filhos entre 7 e 18 anos, além de um acréscimo de R$ 150 para famílias com crianças de até 6 anos.

Tradicionalmente, os pagamentos do Bolsa Família ocorrem nos últimos dez dias úteis de cada mês. Para consultar informações detalhadas sobre as datas de pagamento, o valor do benefício e a composição das parcelas, os beneficiários podem utilizar o aplicativo Caixa Tem, que também permite o acompanhamento das contas poupança digitais do banco.

Uma mudança significativa para os beneficiários este ano é a eliminação do desconto do Seguro Defeso. Esta alteração foi estabelecida pela Lei 14.601/2023, que reformulou o Programa Bolsa Família (PBF). O Seguro Defeso era anteriormente concedido a pescadores artesanais que dependem exclusivamente da pesca e são impedidos de exercer a atividade durante o período da piracema (reprodução dos peixes).

Compartilhe: