Ir para o conteúdo

sexta-feira, 14 de junho de 2024

Notícias

Brasileiros deixam de resgatar R$ 8,16 bilhões em recursos financeiros, revela Banco Central

O Banco Central (BC) divulgou nesta sexta-feira (7) dados alarmantes sobre valores esquecidos no sistema financeiro brasileiro. Segundo o relatório, até o fim de abril, um montante significativo de R$ 8,16 bilhões ainda não foi sacado pelos beneficiários. Esses recursos fazem parte do Sistema de Valores a Receber (SVR), onde as instituições financeiras disponibilizaram um total de R$ 14,94 bilhões para resgate.

Embora o SVR tenha conseguido devolver R$ 6,78 bilhões até o momento, os números revelam uma discrepância preocupante. Dos 64.618.095 correntistas listados desde o início do programa, em fevereiro de 2022, apenas 20.248.670 efetuaram o resgate até abril deste ano, o que representa apenas 31,34% do total.

Entre os correntistas que já acessaram os valores, a maioria é composta por pessoas físicas, totalizando 19.045.510, enquanto 1.203.160 são pessoas jurídicas. Por outro lado, ainda há 41.104.921 pessoas físicas e 3.264.504 pessoas jurídicas que não realizaram o resgate.

Uma análise mais detalhada revela que a maioria dos valores não resgatados refere-se a quantias relativamente pequenas. Cerca de 63,54% dos beneficiários têm direito a receber valores de até R$ 10, enquanto 24,95% estão na faixa de R$ 10,01 a R$ 100. A parcela de correntistas com direito a valores entre R$ 100,01 e R$ 1 mil representa 9,73%, enquanto apenas 1,78% têm valores a receber acima de R$ 1 mil.

Compartilhe: