Ir para o conteúdo

domingo, 16 de junho de 2024

Notícias

Brasil lidera ranking de casos de Dengue em 2024, alerta OMS para a urgência de estratégias integradas de combate

Com um preocupante número de casos prováveis de Dengue, o Brasil assume a liderança mundial, segundo dados divulgados pela Organização Mundial da Saúde (OMS). Com quase 6,3 milhões de casos prováveis, dos quais mais de 3 milhões foram confirmados em laboratório, o país enfrenta um desafio significativo no controle dessa doença transmitida pelo mosquito Aedes aegypti.

A situação na América Latina também é alarmante, com países como Argentina, Paraguai e Peru reportando números expressivos de casos prováveis, demonstrando uma disseminação preocupante da Dengue pela região.

De acordo com a OMS, o panorama global da Dengue em 2024 é ainda mais preocupante, com um total de 7,6 milhões de casos prováveis em todo o mundo, sendo que 3,4 milhões foram confirmados em laboratório. O painel de monitoramento da entidade também registra mais de 3 mil mortes relacionadas à doença, ressaltando a gravidade do problema.

A organização alerta que todos os quatro sorotipos da Dengue foram detectados nas Américas este ano, com seis países da região relatando casos de circulação simultânea desses sorotipos. Esse cenário complexo demanda uma vigilância contínua e estratégias eficazes de controle.

Sobre a vacinação, a OMS destaca a importância da vacina contra a Dengue como parte de uma abordagem integrada de combate à doença, enfatizando também o controle de vetores, a gestão adequada dos casos e o envolvimento comunitário. A vacinação é recomendada para crianças de 6 a 16 anos em áreas com alta incidência da doença, com a vacina Qdenga, desenvolvida pela Takeda, sendo utilizada no Brasil.

Compartilhe: