Ir para o conteúdo

quinta-feira, 23 de setembro de 2021

Notícias

Advogado da APAE calcula rombo de R$ 7 milhões com à venda da área e desvio de recursos do telemarketing

Na tarde de ontem, em entrevista a imprensa, no Fórum de Barretos, o advogado da APAE Barretos, Dr. Merhej Najm Neto, explicou que através de decisão judicial foi afastada toda a diretoria, em virtude de ter alguns integrantes que pertenciam a diretoria anterior. Por outro lado, o advogado Merhej Najm Neto, explicou que diante de todos os fatos que vinham acontecendo, já foi apresentado um levantamento do rombo ao Ministério Público através de relatórios. “Somente no ano de 2020 nós conseguimos levantar um rombo de R$900 mil realizados pelo antigo presidente. Com o montante da área de R$ 4 milhões e outros desvios, pode chegar a R$7 milhões. E agora estamos fazendo um levantamento no período de 2013 até 2020, para mostrar para o Ministério Público e Poder Judiciário que essas pessoas não tem ligação com o desvio e irão retornar as funções”, afirmou Merhej.
Com relação a propriedade da entidade, o advogado Merhej Neto, explicou que a atual diretoria apurou que a área foi vendida por valor bem inferior ao de mercado. “Esse dinheiro da venda que foi depositado, a diretoria não mexeu e a nossa intenção evidentemente é fazer esse levantamento e anular essa venda para que esses terrenos voltem ao patrimônio da instituição”, explicou.
O advogado confirmou ainda que a entidade, se mantém tranquilamente, com as verbas recebidas do Governo Federal, Estadual, Municipal e o telemarketing explicando que não havia necessidade de venda de área. “Foi paga uma dívida de R$200 mil, mas não havia essa necessidade de venda”, finalizou.

Compartilhe: