Ir para o conteúdo

quinta-feira, 13 de junho de 2024

Esportes

Gol de Endrick no finalzinho, garante vitória do Brasil sobre o México

O Brasil venceu o México por 3 a 2 no Estádio Kyle Field, no Texas em seu primeiro dos últimos testes antes da Copa América e neste jogo o treinador Dorival Júnior e escalou um time completamente diferente dos que começaram contra Inglaterra e Espanha, vindo a optar por Vinicius Jr. e Rodrygo, começando o jogo na condição de reservas, além de Endrick, que, inicialmente, deu lugar ao estreante Evanilson.

Andreas Pereira, que comemorou o retorno à seleção após seis anos, na primeira convocação de Dorival, e agradou o treinador, deu mais motivos para continuar a ser convocado, cumprindo muito bem a instrução técnica de explorar o espaço entre as linhas mexicanas, e ali, logo aos cinco minutos, ele recebeu passe de Savinho para tirar dois marcadores e abrir o placar em chute na entrada da área.

Com uma formação que até então nunca havia jogado junto, o time demonstrou certa harmonia na defesa e além disso, Dorival orientou que Yan Couto avançasse, permitindo que o ponta da direita jogasse por dentro, desta forma, já no segundo tempo, após lançamento de Militão, Yan Couto invadiu a área e deu um passe de presente para Martinelli para ampliar o placar, 2 a 0.

Com as entradas de Pepê, Lucas Paquetá e Endrick, o atacante, agora ex-Palmeiras, mostrou vontade e conseguiu criar chance de gol logo no primeiro lance, mas antes de seu grande momento, foi o México quem tomou os melhores momentos do jogo, quando Vega recebeu de Antuna após saída errada de Paquetá e cruzou para Quiñones descontar.

O empate veio com Guillermo Ayala, após escanteio mexicano e defesa de Alisson, marcou fazendo 2 a 2, contudo, nos acréscimos Vinicius Júnior cruzou e Endrick cabeceou para salvar a seleção brasileira, 3 a 2.

FICHA TÉCNICA:

México 2 x 3 Brasil

México – Julio González, Reyes, Edson Álvarez, Johan Vásquez, e Arteaga; Luis Chávez (Alexis Vega), Romo e Carlos Rodríguez (Pineda); Antuna (Cortizo), Julián Quiñones (Huerta) e Santiago Giménez (Martínez). Técnico: Jaime Lozano.

Brasil – Alisson, Yan Couto, Éder Militão, Bremer, Guilherme Arana; Ederson (João Gomes), Douglas Luiz (Bruno Guimarães) e Andreas Pereira (Lucas Paquetá); Savinho (Vinicius Jr), Evanilson (Endrick) e Gabriel Martinelli (Pepê). Técnico: Dorival Júnior.

Gols – Andreas Pereira, aos cinco minutos do primeiro tempo; Gabriel Martinelli aos nove, Quiñones aos 28, Ayala aos 47 e Endrick aos 51 minutos do segundo tempo.

Árbitro – Lukasz Szpala (EUA).

Cartões Amarelos – Endrick, Yan Couto e Éder Militão

Público– 85.249 pessoas.

Local – Estádio Kyle Field, em College Station, nos Estados Unidos.

Compartilhe: