domingo, 17 de fevereiro de 2019

Notícias

Peão de boiadeiro é preso por porte ilegal de arma em rancho no Rio Grande

Durante patrulhamento preventivo em um local conhecido como “Rancho do Pipoca”, no Rio Grande, Reservatório da Usina Marimbondo, fundos da fazenda Barreiro Grande, Distrito de Laranjeiras, os Policiais Militares Ambientais, cabo Dos Reis e soldado Tiago, prenderam o peão de boiadeiro T.O.C., 26 anos, morador na Avenida Acre, em Colômbia, pelo crime de porte ilegal de arma de fogo.
Segundo consta, o indiciado foi surpreendido em posse de uma espingarda, marca Rossi, calibre 28, com três cartuchos do mesmo calibre intactos, dois cartuchos já deflagrados, um cartucho calibre 32, já deflagrado, um frasco plástico pequeno com pólvora e uma bolsinha (tipo estojo escolar) contendo chumbo granulado e pedaços de parafina.
Em relato o peão de boiadeiro disse que estava naquele rancho para passar o final de semana e que sempre quando “vai para o mato”, ele faz uso da arma, que é de sua propriedade, no entanto, nunca providenciou o registro da mesma.
Diante disso, foi dada voz de prisão ao indiciado e na delegacia, através de pesquisa, constatou-se que a arma está registrada em nome de V.C.M., sendo a prisão dada ao indiciado ratificada e arbitrada fiança no valor de R$1.000.00, a qual não foi apresentada, sendo ele recolhido em uma cela da cadeia de Barretos, permanecendo à disposição da Justiça.

Compartilhe: